Vice-prefeito e secretário de Cultura, Walmir Pinto, pede para sair do PDT em Suzano. E agora?
A saída de Walmir Pinto do PDT deverá resultar em importantes movimentações na política de Suzano/ Foto: Divulgação
Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde

O vice-prefeito e secretário de Cultura de Suzano, Walmir Pinto, pediu (em caráter irrevogável) a sua saída do PDT, partido pelo qual foi eleito (em 2016) e reeleito (em 2020) em parceria com o prefeito Rodrigo Ashiuchi (PL).

Na tarde desta sexta-feira, 17, o Jornal Oi teve acesso a carta onde Walmir Pinto pede o desligamento do partido que tem como sua maior liderança na cidade e na região o ex-deputado e ex-prefeito Marcelo Candido.

A reportagem do Jornal Oi encaminhou mensagem ao Walmir Pinto pedindo que ele confirmasse o seu pedido de desligamento do partido e pediu também que revelasse os motivos de sua decisão.

A saída de Walmir Pinto do PDT deverá resultar em importantes movimentações na política de Suzano uma vez que o vice-prefeito de Suzano era/é a principal ligação entre o PDT e governo do prefeito Ashiuchi.

O mais complexo de tudo isso é que haveria um acordo (do qual Walmir Pinto seria peça chave) para que o PL apoiasse um candidato do PDT na eleição para a Prefeitura de Suzano em 2024.

Em nota divulgada no final da tarde desta sexta-feira, 17, o político aponta sua insatisfação com os rumos da sigla. Confira:

Walmir Pinto anunciou em suas redes sociais o ato de desfiliação do Partido Democrático Trabalhista (PDT)

Na nota, Walmir não aponta quais serão seus próximos passos e se irá para outro partido. O político aponta sua insatisfação com os rumos que o PDT, inclusive, com a condução que a sigla tomou nas eleições municipais de 2020.

“O PDT segue rumos, a meu ver, equivocados em relação à política nacional. O partido estabeleceu uma relação errada com a nossa cidade e com o Alto Tietê. Vivi, enquanto presidente municipal da sigla, a falta de apoio às candidaturas de valorosos companheiros e companheiras, enquanto em outras cidades, a tentativa de fortalecimento de candidatos sem a menor perspectiva de vitória foi muito maior”, aponta Walmir na nota.

Walmir encerra a nota reforçando seu compromisso com Suzano, independe do cargo político que ocupa ou não, e reforçando sua característica coletiva para a construção de um projeto político.

“Continuo convicto que um projeto político se constrói com coragem, compromisso e sempre no coletivo. Tenho a clareza que sempre fiz o que estava ao meu alcance para nossa cidade e para o nosso povo. E nunca deixarei de trabalhar, ocupando cargo público ou não, para construir uma Suzano cada vez melhor”, reforça Walmir.

Confira a nota na íntegra: 

Nesses mais de 40 anos de vida política aprendi que nada se constrói sozinho. Sempre pautei minha vida pública de maneira coletiva, transparente e democrática. Nasci e cresci em Suzano e aqui construí minha vida profissional, pessoal e política. Olho para minha cidade e entendo a minha responsabilidade em relação as necessidades de cada cidadão e cidadã, em torná-la um lugar cada vez melhor para se viver.

Disputei as últimas eleições pelo Partido Democrático Trabalhista, partido que até então representava os meus anseios em busca dos meus ideais.  Hoje, não me sinto mais confortável, nem representado pelos rumos que o PDT tomou.  Aprofundo nos parágrafos a seguir os motivos do meu ato de desfiliação:

O PDT segue rumos, a meu ver, equivocados em relação a política nacional. O partido estabeleceu uma relação errada com a nossa cidade e com o Alto Tietê. Vivi, enquanto presidente municipal da sigla, a falta de apoio às candidaturas de valorosos companheiros e companheiras, enquanto em outras cidades, a tentativa de fortalecimento de candidatos sem a menor perspectiva de vitória foi muito maior. 

Continuo convicto que um projeto político se constrói com coragem, compromisso e sempre no coletivo. Tenho a clareza que sempre fiz o que estava ao meu alcance para nossa cidade e para o nosso povo. E nunca deixarei de trabalhar, ocupando cargo público ou não, para construir uma Suzano cada vez melhor.

Walmir Pinto,

Jornalista, secretário de Cultura e Vice-Prefeito de Suzano