Governo do Estado de São Paulo

A Câmara de Suzano suspenderá as atividades a partir de quinta-feira (25) após o surgimento de casos confirmados e suspeitos do novo coronavírus (Covid-19) entre os funcionários. A medida será tomada, inicialmente, pelo período de 15 dias.

Nesta semana, a Casa de Leis teve o Almoxarifado fechado por causa da suspeita de contaminação dos servidores que atuam no local. O setor de Limpeza do Legislativo também teve funcionários que testaram positivo, além de afastamentos devido a comorbidades – o que prejudicou o trabalho da equipe, que é de suma importância para evitar novas contaminações.

“Não podemos colocar funcionários, assessores e vereadores em risco, ainda mais se consideramos que estamos no pior momento da pandemia, com o sistema de saúde da região superlotado”, declarou o presidente da Câmara, Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho. Ele ressaltou que as atividades de fiscalização dos parlamentares continuam mantidas: “É nosso dever zelar e atender à população, sobretudo num momento tão delicado como este”.

De acordo com o ato da mesa 008/2021, a partir quinta-feira (25) ficam suspensas as sessões ordinárias e reuniões ordinárias de comissões pelo período de 15 dias, assim como os prazos das comissões temporárias ou permanentes.

Também nesta terça-feira (23), foi divulgados que dois parlamentares da cidade foram diagnosticados com Covid-19, sendo eles, o Baiano da Saúde (PL) e o Vereador Maizena (PTB). O Jornal Oi questionou a Câmara de Suzano sobre a situação de saúde dos dois parlamentares de Suzano.

Jornal Oi: Nesta terça-feira (23) está circulando informações de que os vereadores Baiano da Saúde e Maizena estão com covid-19. É verídico? Se sim, você possui informações concretas sobre o estado de saúde dos parlamentares?

Esclarecimentos da diretoria de comunicação da câmara de Suzano:

“Sim. Os dois vereadores estão, infelizmente, com o novo coronavirus. Assim que eles perceberam os sintomas já se afastaram das atividades parlamentares. Eles estão bem, já com medicação  e fazendo isolamento em suas residências.”