Rafuzinho elogia postura de André do Prado e Ashiuchi, mas alerta que o povo ‘não quer’ eleger o PSDB em SP
Rafuzinho apesar de elogiar a postura de André do Prado e Ashiuchi em relação ao compromisso com Rodrigo Garcia observou que o candidato do PSDB não deverá decolar/ Foto: André Nunes/Jornal Oi
Campanha Tudo novo

Na condição de pré-candidato a deputado estadual pelo PL, o médico e ativista social de Ferraz de Vasconcelos, Joseph Raffoul, o Dr. Rafuzinho, garantiu nessa quarta-feira, 15, durante a sua participação no “Vai Encarar?” que ainda não recebeu nenhuma orientação da direção do partido sobre qual seria o melhor candidato na eleição ao governo do Estado de SP neste ano.

Rafuzinho elogiou a postura do deputado André do Prado (PL), do prefeito Rodrigo Ashiuchi (PL) e de outras lideranças regionais do partido que se comprometeram em apoiar o pré-candidato (e atual governador) Rodrigo Garcia (PSDB) na eleição deste ano.

Isso antes de Bolsonaro ingressar no PL e indicar Tarcísio de Freitas (Republicanos) para concorrer ao Palácio dos Bandeirantes.

Em razão dessa reviravolta, existem lideranças e representantes do PL que apoiam Rodrigo Garcia (esses seriam, segundo o deputado André do Prado, integrantes do PL raiz) e outro grupo que apoia Tarcísio (por integrantes do PL que chegaram recentemente ao partido e que não seria ‘raiz’).

Bastante sincero, o ex-candidato ao governo de Ferraz (Rafuzinho teve quase 30 mil votos na eleição de 2020, mas ficou atrás da prefeita eleita Priscila Gambale), explicou que ainda não recebeu nenhuma indicação do comando do partido sobre ‘qual lado’ deve ficar, mas que pretende ouvir o partido antes de tomar uma decisão.

Rafuzinho apesar de elogiar a postura de André do Prado e Ashiuchi em relação ao compromisso com Rodrigo Garcia observou que o candidato do PSDB não deverá decolar.

“É muito importante a gente levar em consideração as mensagens que vem das ruas. Como pré-candidato estou nas ruas e sinto que a população não quer o Rodrigo Garcia, não quer o PSDB e quando a campanha começar vão ligar o Garcia ao Doria e a situação ficará ainda mais difícil. Avalio que o candidato do PT já está no segundo turno, mas ainda tem muita coisa para acontecer”, argumentou Rafuzinho.

Conversa franca

Durante a entrevista que teve a duração de pouco mais de uma hora, Rafuzinho falou de forma franca e objetiva sobre os objetivos de sua pré-candidatura.

Ele fez uma avaliação (negativa) do trabalho da prefeita Priscila Gambale, cobrou apoio dos vereadores que ajudou eleger em 2020 a sua candidatura para deputado estadual e destacou o nome de lideranças políticas de Ferraz que poderão reforçar (de forma qualificada) a oposição ao governo da prefeita e do deputado Rodrigo Gambale.