Tenda Atacado

Rafael Marcondes de 35 anos, é o Líder que Inspira desta semana, ele é fundador da Troupe Parabolandos em Suzano, que nasceu em 2005, um projeto cultural que vem desenvolvendo um trabalho bem expansivo tornando-se referência cultural e artística na cidade de Suzano e em todo o Brasil.

Ao lado de Keyla Godoy, a Troupe Parabolandos formada por ambos, foi o primeiro grupo da cidade a inaugurar um espaço próprio onde contam com dois anfiteatros para apresentações e oferecem cursos de teatro, danças, circo, circo aéreo, teatro musical e dublagem para aproximadamente 300 alunos de todas as idades.

Só que a pandemia chegou, e assombrou o futuro da Troupe Parabolandos, que ficou sem arrecadação e se vê em um péssimo cenário para o futuro. O que o Covid-19 não contava, é que Rafa Marcondes não pretende abaixar a cabeça para o problema e sim lutar para manter o local que tem história, em funcionamento, a cultura da cidade clama por isso.

Abaixo, você será inspirado com muita cultura e luta, de um homem nobre, que tem como principal meta, construir uma cultura sólida para esta cidade.

Jornal Oi: Rafael, resumidamente e abordando pontos marcantes, como surgiu a Troupe Parabolandos? Quantos integrantes e fundadores vocês são? A Parabolandos está se tornando aquilo que vocês sonharam inicialmente?

Rafael Marcondes: Eu sou o fundador da Troupe Parabolando, atualmente nós contamos com dez integrantes e em média 200 alunos. O Parabolandos é uma parada que se transforma, no decorrer destes anos todos, estamos nos transformando, as metas mudam, os sonhos mudam, as realizações nos levam para outro caminho. O parabolandos é uma alegria, ele se tornou mais do que aquilo que sonhávamos ou imaginávamos.

Jornal Oi: Atualmente, como a Troupe vem colaborando com a cultura da cidade?

Rafael Marcondes: Atualmente, a gente tem realizado uma programação online, totalmente gratuita, com Lives, apresentações, espetáculos em comemoração aos quinze anos da troupe parabolandos. Além disso, nós oferecemos nossos cursos artísticos aos nossos alunos.

Jornal Oi: O que representou para vocês a chegada desta pandemia causada pelo novo coronavírus?

Rafael Marcondes: Eu costumo dizer que a área artística é a mais afetada, pois fomos os primeiros a parar e provavelmente os últimos a retornar aos trabalhos, porém a pandemia tem afetado tudo e a todos, é um tempo dificil. Precisamos do público, da aglomeração, tanto para as aulas, quanto para as apresentações, a chegada do coronavírus atrapalhou bastante toda nossa perspectiva de ano, de produção.

Jornal Oi: Até o presente momento das respostas destas perguntas, como vocês têm procurado superar estes desafios?

Rafael Marcondes: Temos procurado vencer os desafios trabalhando um pouco mais, procurando inovar a forma de pensar e produzir o material. Somos da Área do Teatro, não estamos acostumados com essa área de tecnologia, sabemos lidar com o público. Estamos aprendendo essa parada online, estamos desenvolvendo bastante coisas. Se tem uma palavra que define o parabolando é a coragem, sempre tivemos para fazer as paradas acontecerem, nós somos um grupo pioneiro na nossa região a ter uma espaço artístico, a coragem faz transformamos tudo ao nosso redor. Para o futuro, continuamos caminhando com fé, esperança e amor.

Fé que as coisas vão dar certo, esperança de um futuro melhor e bastante amor, integrar as pessoas, o nosso público e a galera que está ao nosso redor. Sozinho ninguém faz nada.

Jornal Oi: Eu pude notar, que vocês estão com uma vaquinha virtual, para que as pessoas possam ajudá-los com as atuais despesas da Troupe, além deste modo, como as pessoas podem contribuir?

Rafael Marcondes: Nós fechamos hoje nossa vaquinha, que vai ajudar a gente a pagar algumas dividas que ficaram acumuladas nesta pandemia e vai ajudar a estrutura e manutenção. Mesmo ou não sabendo se vamos permanecer no local onde estamos, hoje a principal intenção é manter a arte viva. A galera que quer ajudar, pode ser divulgando nosso trabalho, curtindo as publicações e financeiramente, pode entrar em contato conosco para nos ajudar a manter o espaço vivo e a cultura viva.

O número para contato com a Troupe Parabolando é 99240-8188.