Prefeitura de Mogi vai promover segunda feira de adoção de cães e gatos no CCZ
Das 9 às 13 horas, o público poderá conhecer e adotar cães e gatos com entrada controlada e supervisionada para evitar aglomerações/ Foto: Divulgação

A prefeitura de Mogi das Cruzes realiza no dia 26 de junho, sábado, a 2ª Feira de Adoção do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e do Centro de Bem Estar Animal (CBEA).

Das 9 às 13 horas, o público poderá conhecer e adotar cães e gatos com entrada controlada e supervisionada para evitar aglomerações.

A primeira edição do evento foi realizada em 25 de maio, quando 14 animais ganharam novos lares.

Para adotar, é necessário comparecer ao local portando documento oficial com foto e comprovante de endereço. Não será permitida a presença de menores de 18 anos desacompanhados.

A adoção é um ato de responsabilidade, mas, assim como ocorreu na primeira edição, a equipe do CCZ e os voluntários do Passeio Animal estarão no local para orientar os interessados sobre as principais dúvidas e cuidados.

Todos os animais doados estarão devidamente chipados, vacinados e castrados. Para aqueles que eventualmente ainda não tenham recebido todas as doses da vacina ou não tenham sido castrados, os responsáveis serão orientados sobre como fazer.

A equipe que atuará no dia 26 de junho prestará apoio também na orientação da fila e controle de acesso ao local ,com entrega de senhas, para organizar a fila e evitar aglomerações.

O espaço é bastante amplo e arejado, mas o uso de máscara e o distanciamento social são obrigatórios.

Entre os pets para adoção estão machos e fêmeas de várias idades e portes, cães e gatos. Há também opções de filhotes. Atualmente o CCZ e o CBEA, contam com mais de 110 animais, entre cães e gatos.

Em caso de adoção de gatos, sendo possível, a pessoa interessada deve levar uma caixa para transporte, o que garante mais segurança no trajeto com o animal.

Quem quiser pode comparecer no CCZ, que fica na estrada de Santa Catarina, 2540, em Cezar de Souza. Mais informações: (11) 4792-8585 ou pelo e-mail zoonoses.sms@pmmc.com.br.