Poá segue liderando a vacinação na região e promete imunizar que tem 28+ nesta sexta-feira
O município de Poá é o primeiro da região do Alto Tietê a anunciar a vacinação para as pessoas com menos de 30 anos/ Foto: Rodrigo Nagafuti – Secom Poá
Tenda Atacado

Os poaenses com idade a partir de 28 anos começam a ser vacinados contra a Covid-19 nesta sexta-feira, 23, quando o Departamento de Vigilância em Saúde realizará a campanha de imunização com horário estendido, das 8 às 21 horas.

O município de Poá é o primeiro da região do Alto Tietê a anunciar a vacinação para as pessoas com menos de 30 anos.

A Secretaria de Saúde optou pelo aceleramento do cronograma e ampliação do horário de vacinação, nesta sexta-feira com o objetivo de imunizar a população poaense o quanto antes.

“A prefeita Marcia Bin havia solicitado que fizéssemos o possível para acelerar a campanha para imunizar a população e, desde então, temos buscado meios de avançar as etapas do cronograma como, por exemplo, a realização do Corujão da Vacina e o horário estendido”, ressaltou a responsável pela pasta, Claudia Cristina de Deus.

De acordo com o diretor do Departamento de Vigilância em Saúde, Leonardo Barbosa Garcia, a imunização na sexta-feira será para os munícipes com 28+ nos dois pontos de vacinação, porém como horários diferenciados.

“No Reino da Garotada (rua São Francisco, 168, bairro Biritiba) a imunização será feita das 9 às 15 horas e na Praça da Bíblia (rua Vicente Guida, s/n, Centro) terá horário estendido, das 8 às 21 horas”, ressaltou.

O horário e o local da xepa da vacina que, atualmente, está direcionada para os trabalhadores de supermercados, lactantes 18+ com bebês de até dois anos e motoristas de transporte escolar, também terão alteração.

“Excepcionalmente, nesta sexta-feira, 23, a xepa será aplicada a partir das 21 horas, na Praça da Bíblia. A alteração se deve em virtude do horário estendido, já que no reino da Garotada, a campanha se encerrará mais cedo do que na Praça da Bíblia”, destacou Garcia.

Vacinação Solidária

O diretor também destacou que a campanha VacinAção Solidária também segue no município e que a solidariedade do poaense se faz necessária neste período de pandemia.

“Sabemos das dificuldades que todos estão passando, principalmente as famílias menos favorecidas, por isso pedimos que os munícipes contribuam com a doação de um quilo de alimento no ato da imunização. Todo material doado será destinado às famílias em situação de vulnerabilidade social”, finalizou.

Confira abaixo os públicos previstos no cronograma e documentos necessários:

  • Pessoas com 28+ (a partir de sexta-feira, 23): documento com foto, CPF e comprovante de endereço;
  • Síndrome de Down 18+: documento com foto, CPF e comprovante de endereço;
  • Profissionais da Educação 18+: comprovante de inscrição do cadastro no site www.vacinaja.educacao.sp.gov.br, documento com foto e CPF;
  • Pessoas com Deficiência Permanente Grave sem BPC: documento oficial com foto, CPF, comprovante de endereço em Poá e documento médico que comprove a deficiência permanente grave para os casos das deficiências intelectuais;
  • Gestantes comorbidades 18+: carteirinha do pré-natal, documento com foto, CPF, comprovantes de endereço e de comorbidade, conforme definições do Ministério da Saúde;
  • Gestantes sem comorbidades 18+: carteirinha do pré-natal, documento com foto, CPF, comprovantes de endereço;
  • Puérperas com comorbidades 18+: documento com foto, CPF, comprovante de endereço e certidão de nascimento da criança;
  • Puérperas sem comorbidades 18+: documento com foto, CPF, comprovante de endereço e certidão de nascimento da criança;
  • Pessoas com Benefício de Prestação Continuada 18+: documento com foto, CPF e comprovante de endereço;
  • Transplantados 18+: relatório médico da condição, documento com foto, CPF e comprovante de endereço;
  • Pessoas com comorbidades 18+: comprovante de exames, receitas e/ou relatórios médicos, documento com foto, CPF e comprovante de endereço;
  • Trabalhadores de supermercados 18+: documento com foto, CPF e carteira de trabalho ou contrato que comprovem o vínculo empregatício (comprovante de endereço de Poá, caso trabalhe em supermercado de outra cidade);
  • Lactantes 18+ com bebê até dois anos (xepa da vacina): RG, CPF, comprovante de residência e certidão de nascimento da criança;
  • Motorista de transporte escolar (xepa da vacina): RG, CPF, comprovante de residência e documento que comprove o exercício da atividade.