Centerpex Cinemas Suzano Shopping

Segundo informações reveladas pela TV Globo, o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), almoçou com o ex-presidente da República Michel temer (MDB), em Brasília.

O encontro ocorre devido a crise institucional entre os poderes, agravada pelos ataques de Bolsonaro nos discursos do 7 de Setembro.

Bolsonaro não apenas convidou Temer, mas enviou uma frota presidencial para buscar o ex-presidente em São Paulo.

A reunião durou aproximadamente quatro horas, no Palácio do Planalto, e terminou há pouco, por volta das 16:15h. Temer e Bolsonaro conversaram sobre a crise institucional e os ataques do atual chefe do Executivo ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

Outro assunto abordado pelos presidentes, é sobre os atos de caminhoneiros Bolsonaristas que, nos últimos dias, vêm bloqueando rodovias federais em todo o país.

Em 2018, o então presidente Michel Temer enfrentou protestos similares, mas com pautas diferentes.

O advogado-geral da União, Bruno Bianco, também participou da reunião entre os presidentes. O encontro não foi informado nas agendas oficiais divulgadas pelo Palácio do Planalto e pela AGU.

Segundo informações reveladas pelo G1, assessores que acompanharam a reunião afirmam que Temer aconselhou Bolsonaro a enviar um “manifesto de pacificação” para reaproximar os poderes.