Tenda Atacado

O ex-presidente Lula viu sua popularidade cair nas redes sociais após declarar apoio à ditadura cubana, segundo informações reveladas pela revista Crusoé.

Na semana passada, o petista culpou o Estados Unidos pela situação de Cuba e não comentou sobre a prisão de manifestantes que às ruas protestar contra o regime cubano.

“Segundo a consultoria Quaest, que mede o Índice de Popularidade Digital, IPD, Lula estava com 43 pontos no dia 12 de julho. Após suas mensagens de apoio à ditadura, publicadas no dia seguinte, o índice caiu para 27.”