Prefeitura de Guararema

Na reportagem especial desta semana na editoria Zoom, o Jornal Oi mergulha nas informações sobre a geração de empregos em Poá a partir dos dados pesquisados no CAGED. O trabalho foi desenvolvido pelo repórter Gabriel Souza.

O levantamento demonstra que nos primeiros cinco meses deste ano o saldo é positivo entre as admissões e demissões, sendo 949 novos empregos gerados.

Mesmo com saldo positivo, a reportagem também analisou o último semestre do ano passado, quando Gian Lopes ainda governava o município, que registrou saldo positivo superior de 1.041 novos empregos criados.

Nesta reportagem além dos dados apresentados ao leitor, o Jornal Oi procurou a Associação Comercial e Industrial de Poá (ACIP) e o governo da prefeita Márcia Bin para saber sobre os atuais índices do município.

Confira abaixo os dados analisados do segundo semestre de 2020 sobre a Geração de Empregos em Poá (Jul/2020 até Dez/2020) 

Conforme os dados da tabela acima, durante o segundo semestre de 2020, na gestão do ex-prefeito Gian Lopes, ocorreram mais de cinco mil admissões no município em um momento crítico de pandemia

Foram registrados no total mais de quatro mil demissões durante o semestre no município. Os dados demonstram que o segundo semestre do último ano tiveram resultados positivos e expressivos no assunto geração de emprego.

Confira abaixo os dados analisados do primeiro semestre de 2021 sobre a geração de empregos em Poá (Jan/2021 até Maio/2021) 

No período que já corresponde ao governo da atual prefeita, Marcia Bin (PSDB), houve a geração maior de novos empregos referente ao período anterior com 5.391 novas admissões. Entretanto, as demissões também registraram números elevados com 4.442 demissões no período. O saldo registrado de 949 novos empregos é extremamente positivo.

Jornal Oi consultou a Associação Comercial de Poá 

Para o levantamento e análise neste especial, a reportagem do Jornal OI questionou a Associação Comercial de Poá para saber a análise da organização sobre o quesito Geração de Emprego.

Acompanhe abaixo os questionamentos enviados pela reportagem e as respostas emitidas pela ACIP.

Jornal Oi – Qual é a avaliação que a Associação Comercial faz dos números de empregos e desemprego no primeiro semestre de 2021 em Poá?

Associação Comercial de Poá: A pandemia agravou o desemprego, os números do emprego no município de Poá continuam melhorando, à medida que a economia se recupera, com queda na taxa de desemprego, de 23%, entre janeiro e agosto de 2020. Depois de sofrer enormemente com a pandemia, o mercado de trabalho “dá sinais de recuperação.

Jornal Oi – O que é fundamental a ser feito pelo poder público, comércio e iniciativa privada em geral para que Poá acelere a geração de empregos nos próximos anos?

Associação Comercial de Poá: Acelerar a vacinação em massa avançando para haver um retorno seguro ao trabalho, a reanimação dos setores que estavam muito fragilizados, todos os setores que foram abatidos durante a crise sanitária estão se reerguendo e vão precisar do nosso apoio.

Cabe a todos nós investir em projetos de qualificação e capacitação profissional para acelerar os números do município.

Jornal Oi – O que a Associação Comercial está fazendo e pretende fazer neste segundo semestre para acelerar a geração de empregos no comércio e em outros setores da economia da cidade?

Associação Comercial de Poá: A Acip conta com um programa de estágio, onde o objetivo é apoiar o empresário e oferecer um serviço de qualidade onde facilitamos todo o processo de contratação. Possuímos um banco de currículos voltado para o nosso município e investimos junto com nossos parceiros em treinamentos, qualificação e capacitação profissional de nossos munícipes. Todos os benefícios Acip podem ser consultados no https://www.acip.com.br.

Governo de Poá se manifestou sobre a Geração de Empregos

A reportagem do Jornal Oi também procurou a prefeitura de Poá para esclarecimentos sobre os números registrados acima. Confira:

Jornal Oi – Quais são os números de Poá referentes à geração de empregos formais e não formais nos primeiros cinco meses deste ano?

Prefeitura de Poá: Empregos formais foram em torno de 25.000 e empregos informais em torno de 30.000.

Jornal Oi – Qual é a avaliação do governo para a abertura de postos de trabalho na cidade no primeiro semestre?

Prefeitura de Poá: Mesmo com a dificuldade da pandemia, a avaliação é positiva.

Jornal Oi – Qual é hoje o número da população econômica ativa na cidade e qual é o número de pessoas desempregadas em Poá atualmente?

Prefeitura de Poá: Uma estimativa de 50.000 pessoas. O número de desempregados está em torno de 15.000 pessoas.

Jornal Oi – Quais ações estão sendo colocadas em prática para a ampliação da abertura de vagas de trabalho na cidade?

Prefeitura de Poá: No momento teremos a abertura de 100 vagas pela Frente de Trabalho Municipal (inscrições de 23 a 27/08); adesão ao Programa Bolsa-Trabalho do governo do Estado (inscrições de 23 a 29/08); incentivo ao empreendedorismo mediante Empresa Fácil e créditos disponibilizados por meio do Banco do Povo.

Jornal Oi – Quais são as áreas da economia que a cidade tem, na avaliação do novo governo, maior potencial de crescimento e geração de empregos nos próximos quatro anos?

Prefeitura de Poá: O setor de serviços, especialmente o setor gastronômico.

Jornal Oi – Quais são as vocações da cidade para a geração de empregos em Poá?

Prefeitura de Poá: Turístico gastronômico.

Jornal Oi – Qual é a meta do novo governo de Poá para a abertura de vagas de empregos seja na iniciativa privada ou no Poder Público até 2024?

Prefeitura de Poá: A meta de geração de empregos é de 5.000 vagas até 2024.