Hospital Santa Maria de Suzano faz cirurgia inédita de hemorroidopexia no município
O Hospital Santa Maria de Suzano, mantendo investimentos constantes em tecnologia de ponta e segurança, realizou um procedimento inédito no município/ Foto: Divulgação
Tenda Atacado

O Hospital Santa Maria de Suzano, mantendo investimentos constantes em tecnologia de ponta e segurança, realizou um procedimento inédito no município.

Trata-se da hemorroidopexia, eficiente técnica para tratamento de hemorroida e que proporciona rápido bem-estar ao paciente em comparação aos métodos tradicionais de intervenções.

Por meio dessa nova técnica, é possível fazer a operação considerada minimamente invasiva mediante a utilização de sonar doppler, aparelho que permite a identificação para a Desarterialização Hemorroidária Transanal – tradução em inglês de Transanal Hemorthoidal Dearterialization.

O médico-cirurgião Luiz Bot comandou a intervenção que durou aproximadamente 30 minutos.

A inovação permite a rápida recuperação do paciente, que recebeu alta em apenas oito horas.

Antes, havia a remoção das hemorroidas (veias inchadas no reto e ânus) e a permanência do paciente no ambiente hospitalar era maior (no mínimo 24 horas).

Além disso, conforme ressalta o médico, as dores eram muito agudas, sobretudo na evacuação.

Luiz Bot destaca que a cirurgia realizada no Hospital Santa Maria de Suzano proporciona rapidamente mais qualidade de vida à pessoa, que fica livre do incômodo e pode retomar logo às atividades do cotidiano com sensação de alívio e sem riscos de complicações futuras.