Hospital Santa Maria de Suzano adota medidas para aperfeiçoar atendimento aos pacientes
Oferecer diretrizes, sanar as dúvidas e direcionar os pacientes aos devidos setores são alguns dos pontos principais da medida na unidade hospitalar/ Foto: Divulgação
Colégio Eduki

A elevação da demanda em busca de serviços médicos, seguindo a tendência existente em todos os grandes centros hospitalares por causa dos números crescentes de casos de Covid-19, levou o Hospital Santa Maria de Suzano a adotar novas medidas para aperfeiçoar ainda mais o atendimento aos seus pacientes, sempre a partir dos critérios se qualidade, eficiência, segurança, acolhimento e humanização.

Trata-se do Programa Posso Ajudar? Para disponibilizar informações úteis e relevantes com rapidez, graças ao treinamento contínuo das equipes de recepção e multidisciplinares.

Oferecer diretrizes, sanar as dúvidas e direcionar os pacientes aos devidos setores são alguns dos pontos principais da medida, além de orientá-los sobre o fluxo nas dependências do hospital e auxiliá-los no tempo de espera e triagem.

Nesta primeira etapa, as ações ocorrerão entre 8 e 20 horas, período de movimento mais intenso, sempre com aferição de indicadores de resultados.

“A demanda no Pronto Atendimento Respiratório cresceu muito e, apesar dos esforços de todos que vêm trabalhando dia e noite nesta verdadeira guerra contra a Covid-19, é inevitável a elevação do tempo de espera para atendimento. Vamos concentrar forças para reverter esse contexto, atingindo resultados cada vez melhores”, afirmou a diretoria, destacando que o Hospital Santa Maria é referência de resolutividade contra a Covid-19 em Suzano e no Alto Tietê, adotando protocolos rígidos e criando fluxo, Pronto Atendimento Respiratório, ala para internações e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para os pacientes com o novo coronavírus.