Fundo Social de Suzano revela arrecadação de 1,8 mil cobertores e apoio para 300 famílias neste inverno
Na imagem que ilustra essa reportagem o prefeito de Suzano e a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Larissa Ashiuchi, aparecem recebendo doações para a Campanha do Agasalho/ Foto: Maurício Sordilli/Secop Suzano
Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde

O mês de julho está ‘castigando’ a população do Alto Tietê com as baixas temperaturas durante a noite.

Somente nesta semana, o termômetro chegou a marcar 3º e geralmente, ainda no mesmo período, não está passando dos 11 graus.

Com base neste período de inverno, o Jornal Oi questionou as prefeituras do Alto Tietê para saber como está sendo executada a Campanha do Agasalho em atendimento aos munícipes vulneráveis.

O governo de Suzano relatou ao Jornal Oi que a Campanha do Agasalho teve início no município no último dia 16 de junho e que cerca de 300 famílias foram atendidas pelo programa.

Na imagem que ilustra essa reportagem a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Larissa Ashiuchi, aparece recebendo doações para a campanha do agasalho.

Jornal Oi – Em que data começou a Campanha do Agasalho na cidade neste ano?

Prefeitura de Suzano: Teve início em 16 de junho.

Jornal Oi – Até esse dia 20 de julho quantas (e quais) peças foram arrecadadas?

Prefeitura de Suzano: Cerca de 1,8 mil cobertores novos.

Jornal Oi – Quantas pessoas foram beneficiadas até esse dia 20 com peças doadas pelo Fundo Social?

Prefeitura de Suzano: Mais de 300 famílias.

Jornal Oi – Qual é a meta de distribuição e arrecadação do Fundo Social até o final deste inverno?

Prefeitura de Suzano: Não foi estipulada meta para a campanha deste ano.