Tenda Atacado

O governador de São PauloJoão Doria (PSDB), tomou na tarde desta sexta-feira (7) a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Acompanhado da esposa, Bia Doria, o tucano compareceu a um posto de saúde no bairro de Pinheiros, Zona Oeste da capital.

Doria, que tem 63 anos de idade, tomou a CoronaVac, vacina produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac. Quem aplicou o imunizante no governador foi a enfermeira do Instituto de Infectologia Emílio Ribas, Mônica Calazans, que ganhou destaque ao se tornar a primeira pessoa vacinada contra a Covid-19 no Brasil.