Coronavírus provocou a morte de 3.611 pessoas na região Alto Tietê
Cidades mais populosas da região, Guarulhos, Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba também registram os maiores números de mortos – respectivamente 1.730, 580 e 359/ Foto: Divulgação
Hospital Santa Maria

Com uma letalidade de 4,35% entre os infectados, o coronavírus já provocou a morte de 3.611 pessoas na região do Condemat – Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê até esta segunda-feira, 11.

Só nas últimas 72 horas foram contabilizadas mais 26 vítimas fatais da doença.

Cidades mais populosas da região, Guarulhos, Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba também registram os maiores números de mortos – respectivamente 1.730, 580 e 359.

As menores estatísticas de casos fatais são de Santa Branca, com seis mortes, e Salesópolis, com 25.

Nesta segunda-feira, a região do Condemat registra 82.882 casos confirmados de coronavírus, dos quais 70.310 (85%) já estão recuperados.

As 26 vítimas das últimas 72 horas eram residentes nas cidades de Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Santa Isabel e Suzano – veja perfis abaixo.

Biritiba Mirim

  1. Homem – 89 anos

Ferraz de Vasconcelos

  1. Homem – 57 anos

Guarulhos

10 óbitos

Mogi das Cruzes

  1. Homem – 50 anos
  2. Mulher – 71 anos
  3. Homem – 80 anos
  4. Homem – 83 anos
  5. Mulher – 66 anos
  6. Homem – 67 anos
  7. Homem – 24 anos
  8. Mulher – 64 anos
  9. Mulher – 86 anos
  10. Mulher – 84 anos
  11. Mulher – 79 anos
  12. Mulher – 50 anos

Santa Isabel

  1. Homem – 69 anos

Suzano

  1. Homem – 75 anos

Visualização da imagem