Ashiuchi e Paulo Serra firmam protocolo de intenções para uma aproximação entre os consórcios
Juntos, o Condemat e o Consórcio ABC representam 19 cidades e cerca de seis milhões de habitantes da Região Metropolitana de São Paulo. É o maior contingente populacional depois da Capital/ Foto: Divulgação
Tenda Atacado

O presidente do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê) e prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi, se reuniu nesta quinta-feira, 21, com o presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra, para firmar um protocolo de intenções para que as duas entidades regionais fortaleçam a aproximação e tomem decisões conjuntas.

O encontro ocorreu no gabinete do prefeito Santo André, no Paço Municipal. O secretário-executivo do Condemat e ex-prefeito de Guararema, Adriano de Toledo, acompanhou a reunião, juntamente com o secretário-executivo do Consórcio ABC, Acácio Miranda.

Juntos, o Condemat e o Consórcio ABC representam 19 cidades e cerca de seis milhões de habitantes da Região Metropolitana de São Paulo. É o maior contingente populacional depois da Capital.

“Nossas regiões possuem divisas e muitos interesses em comum. A proposta é fortalecer a representatividade do Alto Tietê e Grande ABC a partir da atuação conjunta dos dois consórcios”, afirmou o presidente do Condemat, Rodrigo Ashiuchi.

Na reunião, os presidentes falaram das dificuldades e desafios no enfrentamento da pandemia, dos reflexos das restrições impostas pela quarentena, das expectativas com a vacina e da importância da articulação regional para apoio aos municípios. Também trataram do compartilhamento de experiências.

“O objetivo da aproximação dos dois consórcios é a união na tomada de decisões regionais, assim como exportar boas políticas públicas e compartilhar boas práticas administrativas”, ressaltou Paulo Serra.

O presidente e o secretário-executivo do Condemat também visitaram as instalações do Consórcio ABC, acompanhados do secretário Acácio Miranda e do diretor de Programas e Projetos, José Carlos Orosco Roman.

No local, eles conheceram o funcionamento do Centro de Gerenciamento de Emergências ABC, iniciativa implantada com recursos do Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos) e que funciona com um serviço meteorológico, que possibilita o acionar com antecedência as Defesas Civis em caso de aproximação de chuvas fortes.