27 de novembro de 2020
Publicidade
Fale com o OI no WhatsApp
Início Autores Posts por Redação

Redação

Avatar
10025 POSTS 0 COMENTÁRIOS

Inaugurada nova bilheteria no Terminal Norte de Suzano. Objetivo da Radial é diminuir as filas de embarque

Inaugurada nova bilheteria no Terminal Norte de Suzano. Objetivo da Radial é diminuir as filas de embarque
De acordo com informações da assessoria da Radial, toda a infraestrutura foi repensada e modernizada para facilitar o trânsito dos usuários de transporte público/ Foto: Divulgação

A Radial Transporte, empresa que opera no Alto Tietê, inaugurou na última quinta-feira, 19, um novo acesso ao Terminal Norte de Suzano.

A bilheteria foi projetada com o intuito de diminuir as filas do embarque, favorecer o distanciamento social necessário para conter o avanço do novo coronavírus, aumentar a segurança dos passageiros e priorizar o acesso preferencial de idosos, gestantes e pessoas com criança de colo.

De acordo com informações da assessoria da Radial, toda a infraestrutura foi repensada e modernizada para facilitar o trânsito dos usuários de transporte público.

A entrada é situada ao lado da estação Suzano da Linha-11 Coral da CPTM, considerada atualmente uma das melhores opções para quem utiliza a integração metropolitana com direito a redução na tarifa sempre que integrar um ônibus intermunicipal com trilhos e vice-versa. Além de ser de fácil acesso à avenida Jorge Bei Maluf e ao centro da cidade de Suzano.

As três catracas instaladas na entrada do terminal proporcionam maior rapidez e comodidade, e ainda evitam aglomerações aos usuários que utilizam o Cartão BOM do tipo Comum, Escolar e Idoso.

O espaço também conta com cabines de atendimento para recepcionar os passageiros que preferem utilizar dinheiro para comprar a passagem e sanar dúvidas quanto a destinos e funcionamento dos demais cartões.

“A segurança e o bem-estar do nosso passageiro são prioridades, independentemente do projeto”, afirma André Perini, arquiteto da Radial Transporte e responsável pela reestruturação do espaço.

“Nossa equipe construiu a nova bilheteria para evitar aglomerações e agilizar o processo de embarque, no entanto, também levamos a segurança do nosso passageiro em consideração. A cabine para quem comprará a passagem em dinheiro é reservada, individual, feita para preservar o cliente”, conclui.

Esta é apenas uma entre outras melhorias planejadas para modernizar o Terminal Norte de Suzano, estruturado para suprir a crescente demanda por transporte coletivo da cidade.

Atualmente, o local oferece serviços essenciais para quem está em trânsito, como casa lotérica, lanchonetes, biblioteca comunitária e loja de conveniência.

Sabesp diz ter investido mais de R$ 159 milhões em Suzano, Itaquá e Ferraz em 2020. Em todo o Estado, até o fim do ano, Companhia quer aplicar R$ 3,5 bilhões

Sabesp diz ter investido mais de R$ 159 milhões em Suzano, Itaquá e Ferraz em 2020. Em todo o Estado, até o fim do ano, Companhia quer aplicar R$ 3,5 bilhões
O Jornal Oi questionou sobre quanto a Companhia investiu nas três maiores cidades do Alto Tietê neste ano de 2020/ Foto: Divulgação

Após a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) e o governo do Estado informarem (na semana passada) que neste ano de 2020 o investimento acumulado da Sabesp ter ultrapassado os R$ 3,1 bilhões (confira trecho entre aspas), a reportagem do Jornal Oi questionou sobre quanto a Companhia investiu nas três maiores cidades do Alto Tietê neste ano de 2020 cujos serviços de fornecimento de água e coleta e tratamento de esgotos estão sob a sua responsabilidade.

“A Sabesp realizou no terceiro trimestre de 2020 investimentos  que totalizaram R$ 1,078 bilhão, acumulando R$ 3,118 bilhões investidos ao longo de 2020. A manutenção desse ritmo, mesmo com os reflexos da instabilidade econômica agravada pela pandemia da Covid-19, indica que a empresa vem avançando para atingir a meta de investir R$ 3,5 bilhões em 2020 – o que a posiciona como a empresa que mais investe (30%) em saneamento do Brasil”.

Confira a seguir as perguntas do Oi e os esclarecimentos da Sabesp 

Jornal Oi – Em Suzano, Itaquá e Ferraz, em 2020, quanto foi investido pela Sabesp?

Jornal Oi – E quais foram às principais obras e ações executadas em Suzano, Itaquá e Ferraz em 2020?

Jornal Oi – Qual é hoje o porcentual de casas que recebem água tratada da Sabesp em Suzano, Itaquá e Ferraz?

Jornal Oi – Qual é o percentual de esgoto coletado e tratado hoje em Suzano, Itaquá e Ferraz?

As informações da Sabesp

A Sabesp informa que investiu R$ 159,5 milhões em obras de melhoria e ampliação dos sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário que beneficiam as cidades de Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba e Suzano.

Desse total, o maior investimento está na expansão do sistema de esgotamento, no qual já foram investidos R$ 122,2 milhões na construção de interceptores, estações elevatórias e coletores de esgoto que atenderão, entre outras cidades, os municípios de Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba e Suzano.

Os demais valores destinam-se a obras especificas em todos os municípios.

Em Suzano, a Companhia investiu em 2020 cerca de R$ 26 milhões, e a cidade conta atualmente com 97% de cobertura de redes de água, 91% de cobertura de redes de esgoto, e 70% de tratamento do esgoto coletado. A previsão no tratamento de esgoto para a cidade é de atingir 95% até 2023.

Em Itaquaquecetuba, neste ano, já foram investidos R$ 8,2 milhões e o município possui 93% de cobertura de redes de água, 70% de redes de esgoto e 18% de tratamento.  Com os investimentos que já estão em andamento,  a previsão é que Itaquaquecetuba passe a contar com 64% de tratamento de esgoto em 2023.

Ferraz de Vasconcelos, que possui 97% de cobertura com redes de água, 90% de cobertura de redes de esgoto e 51% de tratamento do esgoto coletado, recebeu em 2020 cerca de R$ 3,1 milhões de investimento em obras de melhoria nos sistemas de água e esgotamento sanitário. Até 2023, a previsão é que o índice de tratamento de esgoto na cidade evolua para 65%.

Aplicativo “Mente Saudável” criado por escola estadual de Mogi ficou com o 1º lugar em evento da Secretaria de Educação

Aplicativo “Mente Saudável” criado por escola estadual de Mogi ficou com o 1º lugar em evento da Secretaria de Educação
Os alunos e professores da EE Professora Adelaide Maria de Barros, em Mogi das Cruzes, criaram o aplicativo “Mente Saudável”, que tem o objetivo de auxiliar alunos e professores na busca de atendimento para a saúde mental/ Foto: Divulgação

As Escolas Estaduais Professora Adelaide Maria de Barros, em Mogi das Cruzes, e Professor Sebastião de Oliveira Rocha, em São Carlos, desenvolveram aplicativos que colaboram com a melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente.

Ambos foram premiados com o primeiro e segundo lugares no hackathon do Movimento Inova, promovido pela Secretaria da Educação, que visa incentivar e valorizar a utilização de tecnologia em sala de aula.

Os alunos e professores da EE Professora Adelaide Maria de Barros, em Mogi das Cruzes, criaram o aplicativo “Mente Saudável”, que tem o objetivo de auxiliar alunos e professores na busca de atendimento para a saúde mental.

Já a Escola Estadual Professor Sebastião de Oliveira Rocha criou o aplicativo “Juntos acabaremos com o desperdício” que conecta as escolas da Diretoria de Ensino de São Carlos com as empresas que compram itens recicláveis.

Deide Wander, professor orientador do projeto “Mente Saudável”, explica que a ideia surgiu durante uma live com os líderes de turma.

“Os alunos disseram que estavam se sentindo meio tristes durante esse período de isolamento e alguns professores também compartilharam o que estavam sentindo”, afirma Wander.

Pensando em algo para poder ajudar a escola a detectar os níveis de sofrimento de uma forma mais rápida, a equipe desenvolveu o aplicativo.

Para o desenvolvimento, os alunos, juntamente com os professores Deide Wander e Fabiano Souza elaboraram um questionário de 32 perguntas baseadas no currículo do Conviva SP e estudos da Escola SaudávelMente, de Portugal.

As respostas resultam em três níveis: estável, alerta e atenção. Dependendo do nível que o aluno tira, é recomendado o atendimento em saúde mental na unidade mais próxima de sua localização, que é fornecida ao aplicativo após autorização.

A escola também realizou uma parceria com a Universidade de Mogi das Cruzes para atendimento de alunos e professores.

O aplicativo foi vencedor no hackathon do Inova Educação 2020, que ocorreu em outubro. A intenção é que seja disponibilizado para toda a rede após finalizado.

Coleta de materiais recicláveis 

A Escola Estadual Professor Sebastião de Oliveira Rocha, localizada em São Carlos, criou um aplicativo “Juntos acabaremos com o desperdício”.

O objetivo é o de unir as escolas da Diretoria de Ensino com as empresas que compram reciclados.

O valor arrecadado com a venda do material será revertido para o Grêmio Estudantil, comissões de formatura para 3º e 9º ano do Ensino Fundamental e para a Associação de Pais e Mestres da escola. Se cada aluno levar uma garrafa pet por dia, o acumulado no fim do mês será de 56 reais.

O aplicativo foi desenvolvido pelas alunas Letícia Carrera Fonseca, Victoria Heloisa O. Silveira, Hayssa Luisi da Silva, Bianca Santos da Silva.

Covid-19: casos confirmados representam menos de 25,9% das notificações no Alto Tietê

Covid-19: casos confirmados representam menos de 25,9% das notificações no Alto Tietê
Dos casos confirmados, 86,2% dos pacientes estão recuperados (58.064), enquanto 4,7% estão nas estatísticas de vítimas fatais/ Foto: Divulgação

Das 260.096 notificações de suspeitas de coronavírus registradas até esta segunda-feira (23/11) na região do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê), menos de 25,9% foram confirmadas.

São 67.389 (25,9%) pessoas infectadas até o momento, enquanto 167.627 (64,4%) já tiveram o diagnóstico descartado.

Dos casos confirmados, 86,2% dos pacientes estão recuperados (58.064), enquanto 4,7% estão nas estatísticas de vítimas fatais. Desde março, 3.194 vieram a óbito em decorrência do coronavírus.

Hoje foram contabilizadas mais 11 mortes em Biritiba Mirim, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba e Mogi das Cruzes – veja perfis abaixo.

Biritiba Mirim

  1. Homem – 71 anos

Guararema

  1. Homem – 81 anos

Guarulhos

05 óbitos

Itaquaquecetuba

  1. Mulher – 70 anos

Mogi das Cruzes

  1. Mulher – 93 anos
  2. Homem – 63 anos
  3. Homem – 77 anos

Visualização da imagem

Efeitos da Covid: governo confirma que Guararema Cidade Natal, maior evento turístico de final de ano na região, não irá acontecer em 2020

Efeitos da Covid: governo confirma que Guararema Cidade Natal, maior evento turístico de final de ano na região, não irá acontecer em 2020
Acredita-se que o governo do prefeito Adriano Leite tomou a decisão de não fazer o evento por conta dos efeitos da pandemia de Covid-19/Foto: Divulgação

O governo de Guararema informou/confirmou no início da tarde desta segunda-feira, 23, ao Jornal Oi que o projeto Guararema Cidade Natal não acontecerá neste final de ano.

Sem revelar os motivos pelos quais o projeto não irá acontecer, a assessoria do governo guararemense informou apenas que “este ano não teremos o Guararema Cidade Natal”.

Acredita-se que o governo do prefeito Adriano Leite (PL) tomou a decisão de não fazer o evento por conta dos efeitos da pandemia de Covid-19.

Seria praticamente impossível promover o evento sem que ele produzisse as aglomerações de pessoas que estão proibidas em razão do risco de contaminação por Covid.

Esta é segunda vez que o Guararema Cidade Natal não será promovido desde que ele foi criado e tornou-se na maior atração turística de natalina da região do Alto Tietê. Cerca 200 a 300 mil pessoas visitavam Guararema durante a Cidade Natal nos últimos anos.

Jornal Oi – O que o governo de Guararema definiu ou prevê para o projeto Cidade Natal de 2020?

Jornal Oi – Se não existe ainda definição, quais as possibilidades estão sendo estudadas?

Jornal Oi – Qual a data limite para uma definição?

Resposta do governo de Guararema 

Este ano não teremos o Guararema Cidade Natal.

 

Em visita à Câmara, Prisicila Gambale promete instalar o AME e o Poupatempo em Ferraz já no primeiro ano de governo

Em visita à Câmara, Prisicila Gambale promete instalar o AME e o Poupatempo em Ferraz já no primeiro ano de governo
Priscila, ao fazer uso da palavra na tribuna da Câmara, pregou ainda a necessidade de uma união política em benefício da cidade em geral, ou seja, de acordo com ela, a campanha política já passou e todos precisam trabalhar para melhorar cada vez mais o cotidiano do cidadão ferrazense/ Foto: Divulgação

Acompanhada do seu vice-prefeito, Daniel Balke (MDB), e de assessores, a prefeita eleita de Ferraz de Vasconcelos, Priscila Gambale (PSD), visitou a Câmara Municipal, nesta segunda-feira, 23.

Na oportunidade, a futura e primeira gestora da cidade prometeu logo no seu primeiro ano de administração instalar em parceria com o governo estadual um Ambulatório Médico de Especialidades (AME). Segunda ela, a implantação desse órgão visa salvar vidas.

Além disso, Priscila Gambale pretende trazer para o município, em 2021, uma unidade do Poupatempo.

Para a prefeita eleita com 31.944 votos, essas duas ações fazem parte do seu programa de governo anunciado durante a campanha eleitoral e, portanto, devem ser prioritários logos nos primeiros meses de sua gestão.

De acordo com informações da assessoria do Legislativo em Ferraz,  Priscila, ao fazer uso da palavra na tribuna da Câmara, pregou ainda a necessidade de uma união política em benefício da cidade em geral, ou seja, de acordo com ela, a campanha política já passou e todos precisam trabalhar para melhorar cada vez mais o cotidiano do cidadão ferrazense.

“Na verdade, a nossa gente necessita ter orgulho da nossa cidade”, avaliou a prefeita eleita.

Para tanto, a futura gestora aposta numa parceria bem-sucedida entre a prefeitura, a Câmara Municipal e o governo estadual.

Ela reforçou a importância de pela primeira vez Ferraz de Vasconcelos poder contar com um deputado estadual eleito, no caso o seu irmão, Rodrigo Gambale (PSL) que também entrou para a história local ao ganhar o pleito, em 2018.

“Queremos e vamos fazer um governo de união. Por isso, vamos reunir em torno do nosso projeto de governo, pessoas comprometidas com o bem-estar do nosso povo”, complementa a prefeita eleita.

Transição e convênios com a Caixa

No Legislativo, a vencedora anunciou ainda que já deu início ao processo de transição com a atual administração.

Aliás, o primeiro encontro nesse sentido ocorreu no Palácio da Uva Itália, na quinta-feira, dia 19.

Segundo ela, foi uma reunião bastante proveitosa. No dia seguinte, ela foi até a Caixa Econômica Federal (CEF) conhecer programas financiados pela instituição em andamento na cidade.

No total, Ferraz possui, hoje, seis projetos em curso, porém, a meta será ampliar esses acordos com a União.

Carlos Chinchilla, novo prefeito de Santa Isabel, foi eleito com uma das propostas para a Cultura mais rica e abrangente da região

Carlos Chinchilla, novo prefeito de Santa Isabel, foi eleito com uma das propostas para a Cultura mais rica e abrangente da região
O plano de governo de Carlos Chinchilla e sua vice Arquiteta Terezinha de longe é o mais qualificado entre todos os candidatos/ Foto: Divulgação

O médico Carlos Chinchilla (PSL) se elegeu prefeito de Santa Isabel no domingo, 15, após derrotar a atual prefeita e candidata à reeleição Fábia Porto (Republicanos) e o vereador e candidato pelo PL, Clebão do Posto, entre outros concorrentes.

A vitória de Chinchilla e de sua vice Terezinha Arquiteta foi indiscutível principalmente pelo fato de eles terem vencido a atual prefeita e a ‘máquina’ de eleger prefeitos do PL.

Mas outro grande mérito foi o plano de governo apresentado ao povo de Santa Isabel pelos vencedores da eleição, que de longe é o mais qualificado entre todos.

A partir desta reportagem sobre as políticas públicas para a Cultura, o Jornal Oi vai destrinchar as principais ações que o novo governo se comprometeu em colocar em prática na cidade a partir de janeiro de 2021.

Confira na íntegra o plano de governo para a Cultura apresentado pelo prefeito eleito 

1 – Revisar o Calendário Cultural e instituir o Calendário Turístico Cultural;

2 – Mapear os agentes de Cultura;

3 – Elaborar e implantar um plano de política de salvaguarda do patrimônio cultural imaterial, tais como Moçambique, Congada e São Gonçalo, com o objetivo de apoiar a continuidade do bem e garantir a viabilidade do patrimônio cultural imaterial, tais como a identificação, a documentação, a investigação, a preservação, a proteção, a promoção, a valorização e revitalização do patrimônio em seus diversos aspectos;

4 – Elaborar e Implantar o plano de valorização dos agentes culturais (artesão, música, dança teatro, fotografia);

5 – Implantar metodologia de ensino de formação musical básica na Escola de Música Elias Mineiro, visando desenvolver a aptidão artística e otimizar suas habilidades, incentivando a produção musical individual e coletiva, visando o preparo do aluno para ingressar em cursos intensivos e universidades de música;

6 – Buscar a formalização de parcerias PPP (Parceria Público Privado) para realização de festivais;

7 – Promover o levantamento e salvaguarda de registros históricos (história, documentação de denominação das ruas, praças, etc.) para elaboração de livro com a história de Santa Isabel;

8 – Ampliar as vagas na rede e promover estudos de viabilidade de ofertar vagas para participação na Orquestra de Metais aos alunos que não fazem parte da rede municipal, mas, deseja aprender a tocar instrumentos metais (trompetes, trombones, trompas, tubas);

9 – Buscar parceria com a sociedade civil para ampliação do acervo do Centro de Memória Francisco Sanches Baptista.

Simplifica Ferraz, 16 novas creches e plano de carreira para os educadores são as principais ações de Priscila Gambale para a educação 

Simplifica Ferraz, 16 novas creches e plano de carreira para os educadores são as principais ações de Priscila Gambale para a educação
O Jornal Oi revela as ações que Priscila Gambale, que é professora, colocará em prática na área da educação/ Foto: Divulgação

Na terceira reportagem onde o Jornal Oi passa a limpa os planos de governo dos candidatos que venceram as eleições realizadas no último dia 15, o destaque vai para as propostas da nova prefeita de Ferraz de Vasconcelos Priscila Gambale (PSD).

A prefeita eleita teve o apoio do irmão e deputado estadual Rodrigo Gambale (PSL) para vencer os adversários e entrar para a história como sendo a primeira prefeita da história de Ferraz.

Nas duas primeiras reportagens o Jornal Oi destacou as ações que Priscila irá desenvolver nos 100 primeiros dias de governo.

A reportagem abordou as propostas para melhorar o transporte de passageiros (historicamente precários em Ferraz) e também as ações previstas para a segurança pública que foi literalmente abandonada pelo atual governo de Ferraz.

Nesta matéria o Jornal Oi revela as ações que Priscila Gambale, que é professora, colocará em prática na área da educação segundo o que está previsto em seu plano de governo protocolado na Justiça Eleitoral.

Confira na íntegra o que o novo governo de Ferraz irá fazer na área da educação de acordo com o plano de governo de Priscila Gambale:

1 – SIMPLIFICA FERRAZ EDUCAÇÃO: Pelo celular os pais poderão verificar o horário de entrada e saída dos seus filhos na rede municipal de ensino. Receberão relatórios de conteúdos propostos e avaliação do desempenho dos alunos.

Ainda, vamos instalar catracas eletrônicas nas escolas municipais, com cadastramento biométrico, para controlar a entrada e saída dos estudantes.

Com isso, manteremos as crianças, pais e escolas conectados no compromisso de formar melhor os nossos filhos, e mantê-los seguros nos ambientes escolares.

2 – Sistema Integral de Ensino: Vamos manter atividades extracurriculares para a formação e interação de nossos alunos com aulas culturais, esportivas e de integração.

3 – Uniforme e Material Escolar: Em nosso governo, alunos receberão uniformes e kits de materiais escolar completos no início do ano letivo. Isso cria maior igualdade e qualidade de vida as nossas crianças.

4 – Zerar Fila das Creches e creches noturnas: Lugar de criança é na creche. Vamos investir em mais 16 creches para acabar com o déficit de vagas. Estenderemos os horários em algumas creches em pontos estratégicos da cidade, para os pais que trabalham em horários diferenciados, tendo a oportunidade de manter seus filhos até as 21hr.

5 – Merenda Escolar: Melhor qualidade de alimentação de nossas crianças, com cardápio balanceado e feito por nutricionistas.

6 – Reformas das escolas: As escolas municipais tem sofrido com o abandono de suas estruturas. No nosso governo todas as unidades escolares passarão por reformas, manutenção e pintura, a partir do primeiro ano. Um ambiente escolar adequado estimula o aluno, os profissionais e os pais.

7 – UNIVESP – Vamos trabalhar junto com o Governo do Estado de São Paulo para trazermos para Ferraz a UNIVESP – Universidade Virtual do Estado de São Paulo, que oferece ensino superior.

8 – EJA – Educação de Jovens e Adultos: modalidade de ensino que se destina a oferecer oportunidade de estudos para aquelas pessoas que não tiveram acesso ao ensino fundamental ou médio na idade regular.

Vamos erradicar o Analfabetismo da nossa cidade, garantindo a continuidade da escolarização para todos que não tiveram acesso ao ensino na idade certa, como garante a meta 9 do nosso plano municipal de educação.

Biblioteca Digital: Criaremos a Biblioteca Digital para permitir aos alunos e seus familiares acesso amplo e irrestrito ao acervo técnico, histórico e literário, diretamente do seu computador e ou smartphone.

9 – Acessibilidade – portadores de deficiência física: Cumpriremos as diretrizes estabelecidas pela Lei Federal de inclusão e acessibilidade n.13.146/2015. O nosso compromisso inclui manter todas as escolas acessíveis, para incluir nesta comunidade escolar os portadores de deficiência física.

Em Ferraz a lei de inclusão não está sendo respeitada nas escolas, nem na própria Secretaria de Educação, e muito menos em obras públicas da Prefeitura.

10 – Plano de Carreira: Criação de Plano de Carreira para todos os funcionários da Educação e valorização dos professores com investimentos em qualificação.  Nosso compromisso inclui firmar convênios com universidades, para ministrar cursos de formação continuada, especialização, mestrado e doutorado. Com custo zero para os funcionários municipais.

SP publica edital de concessão do Zoológico e Jardim Botânico. Prefeitos eleitos e reeleitos na região vão seguir esse modelo em 2021? 

SP publica edital de concessão do Zoológico e Jardim Botânico. Prefeitos eleitos e reeleitos na região vão seguir esse modelo em 2021?
O projeto visa repassar à iniciativa privada a administração e modernização das áreas e serviços dos complexos localizados no Parque Estadual Fontes do Ipiranga (PEFI), na Zona Sul da capital/ Foto: Divulgação

O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA), publicaria na sexta-feira, 20, o edital de concessão de uso do Zoológico e do Jardim Botânico.

De acordo com  informações da Secretaria de Comunicação do governador  João Doria (PSDB), este é mais um dos quatro editais de concessão previstos para publicação ainda este ano, aprovados pelo Conselho Gestor de Parcerias público-privada (PPPs) do Estado.

O projeto visa repassar à iniciativa privada a administração e modernização das áreas e serviços dos complexos localizados no Parque Estadual Fontes do Ipiranga (PEFI), na Zona Sul da capital. A modalidade é de concorrência internacional e o prazo do contrato, de 30 anos.

O valor do contrato é de R$ 417,5 milhões, sendo que o investimento mínimo para o ganhador da concorrência internacional, prevista para ocorrer em 21/01/2021 na B3 (bolsa de valores), deverá ser de R$ 263,8 milhões, sendo R$ 180,37 milhões nos cinco primeiros anos da assinatura do acordo.

O proponente deverá tornar o local ainda mais atrativo, fazer melhorias na infraestrutura de visitação dos complexos.

No Zoológico, o concessionário terá de promover maior imersão na natureza e recintos visando o bem-estar animal.

Já no Jardim Botânico, maior uso público. Além disso, deverá implantar programas de educação ambiental. Espera-se novos espaços de lazer e alimentação e maior acessibilidade, além do apoio as atividades de pesquisa.

“A concessão só vai trazer benefícios. O atendimento aos visitantes ficará ainda melhor com os investimentos que serão feitos tanto no Zoológico quanto no Jardim Botânico”, afirmou o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido.

“O governo, por sua vez, vai focar seus recursos e esforços nas pesquisas e proteção à biodiversidade, que continuarão com o estado.”

Leia mais informações sobre essas concessões

Concessões e parcerias com a iniciativa privada desafiam os prefeitos eleitos e reeleitos na região 

Nas cidades da região existem diversas obras e projetos que poderiam ser alvo de concessões semelhantes a estas que o governo do Estado pretende fazer com o Jardim Botânico e o  Zoológico.

Só para ficar em três exemplos de projetos executados pelo Poder Público e que poderiam ser melhores explorados pela iniciativa privada (e por outro lado deixariam de gerar enormes custos às prefeituras) temos os casos da obra do Balneário em Poá, do novo teatro também em Poá e da Arena Max Feffer em Suzano.

Várias outras obras já executadas em cidades da região e projetos ainda incubados e a espera de recursos públicos também poderiam ser repassados para a iniciativa privada, mas o assunto é um verdadeiro tabu para os gestores em todas as cidades do Alto Tietê.

Essa situação certamente representará um enorme desafio aos novos prefeitos e especialmente àqueles que foram reeleitos e não colocaram em prática essas iniciativas.

Após Marcia Bin protocolar pedido para a transição de governo em Poá, prefeito Gian diz que quer um processo ‘pacífico e democrático’

Após Marcia Bin protocolar pedido para a transição de governo em Poá, gestão Gian diz que quer um processo ‘pacífico e democrático’
Marcia Bin, que será a primeira mulher a comandar a prefeitura em toda a história de Poá, afirmou que esperava uma postura de colaboração do governo do prefeito Gian Lopes para a transição/Foto: Divulgação

Na entrevista que concedeu ao Jornal oi ao Vivo na última quinta-feira, 19,  a nova prefeita de Poá,  Marcia Bin (PSDB), e o vice-prefeito, Geraldo Oliveira, revelaram que tinham protocolado naquela data o pedido para o início da transição de governo.

Marcia Bin, que será a primeira mulher a comandar a prefeitura em toda a história de Poá, afirmou durante a entrevista que esperava uma postura de colaboração do governo do prefeito Gian Lopes (PL) que disputou à reeleição, mas acabou ficando em terceiro lugar atrás da Marcia Bin e do vereador Saulo Souza (Avante).

No dia seguinte, sexta-feira, 20, a reportagem do Jornal Oi questionou a assessoria do atual prefeito de Poá sobre o pedido de  abertura da transição de governo feito pela nova prefeita da cidade.

Gian Lopes, que era vereador quando a Câmara de Poá  (em 2014) cassou por motivos políticos o mandato do então prefeito reeleito Testinha (esposo de Marcia Bin), afirmou em suas respostas que quer garantir a realização de uma transição pacífica e democrática.

Jornal Oi – A nova prefeita informou ter protocolado o pedido para a abertura da transição com o atual governo. O atual governo já retornou ao pedido ou vai retornar quando?

Jornal Oi – Em  que data vai começar a transição?

Jornal Oi – O prefeito e o vice vão participar pessoalmente dessa transição?

Jornal Oi – O atual governo vai disponibilizar todas as informações solicitadas pela nova prefeita ou a atual gestão?

Jornal Oi – Com respaldo em alguma lei não é obrigada a informar tudo o que for solicitado?

As respostas do atual governo de Poá

Por determinação do prefeito Gian Lopes será realizada uma transição pacífica e democrática, para que os trabalhos em prol da população poaense continuem e a prefeita eleita possa iniciar sua gestão com todas as informações.

O prefeito Gian Lopes publicará o decreto de transição e o governo eleito já fez a indicação dos nomes hoje. Só estão sendo acertados os últimos detalhes para o início dos trabalhos.