26 de janeiro de 2022
Publicidade
Fale com o OI no WhatsApp
Início Autores Posts por Redação

Redação

15782 POSTS 0 COMENTÁRIOS

Protege Mogi: em 2018 cidade terá mais câmeras, viaturas, GCMs e nova Central de Segurança

O prefeito Marcus Melo (PSDB) apresentou, na tarde de sexta-feira, dia 2, as ações da área de segurança pública do programa Move Mogi. O evento aconteceu na Escola de Governo e Gestão, na Vila Nova Mogilar, e contou com a presença de autoridades e de representantes da sociedade ligados ao tema. As novas ações estarão dentro do programa Protege Mogi.

“Garantir da segurança da população deve ser um trabalho de todos, realizado de forma integrada entre a Prefeitura, as Polícias Civil e Militar, com a participação de toda a sociedade. É um esforço constante. O que buscamos é ter uma cidade mais segura e tranquila”, destacou Marcus Melo.

O prefeito lembrou que, em Mogi das Cruzes, a administração municipal vem atuando intensamente em ações voltadas à segurança pública, seja no investimento na Guarda Municipal, no apoio aos órgãos estaduais e na adoção de tecnologias, como o sistema de monitoramento e o projeto Barreira Eletrônica. Anualmente, a Prefeitura investe cerca de R$ 20 milhões em segurança.

Entre os novos investimentos que serão feitos dentro do programa Protege Mogi está a construção da Central de Inteligência de Segurança, que reunirá diversas estruturas da Guarda Municipal, a Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp), o monitoramento por câmeras e a Defesa Civil. O novo prédio tem investimento previsto de R$ 4 milhões e ficará na avenida Engenheiro Miguel Gemma, no Socorro.

A construção também seguirá as diretrizes de sustentabilidade que estão sendo adotadas nos projetos desenvolvidos pela administração municipal, com placas fotovoltaicas, muro verde, piso drenante, iluminação e ventilação naturais e reúso da água. A expectativa é que a licitação possa ser iniciada até o final deste ano.

Outra novidade voltada à Guarda Municipal é a aquisição, neste ano, de 10 novos veículos e 6 novas motocicletas para atuar no patrulhamento. Além disso, está prevista a contratação de 60 novos guardas municipais, por meio de concurso público que está em andamento.

Os novos profissionais e a ampliação da frota da corporação permitirão o desenvolvimento de novos serviços, como a Patrulha Maria da Penha, voltada à prevenção e combate à violência contra a mulher, e a Patrulha Rural. Estas duas ações têm previsão de implantação até o final deste primeiro semestre.

O sistema de monitoramento também deverá receber investimentos em 2018, com 21 novas câmeras. Os equipamentos serão implantados em locais definidos após mapeamento realizado em conjunto com as Polícias Militar e Civil, levando em conta o registro de índices de criminalidade, a movimentação de pessoas, a existência de comércios, entre outros.

Herói ou vilão? fãs não se conformam; mas o juiz Moro recebe auxílio-moradia

O juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba, disse que recebe auxílio-moradia, mesmo tendo imóvel na capital paranaense, como complementação salarial.

Segundo ele, a medida se faz necessária pela falta de reajuste para a categoria. “O auxílio-moradia é pago indistintamente a todos os magistrados e, embora discutível, compensa a falta de reajuste dos vencimentos desde 1º de janeiro de 2015 e que, pela lei, deveriam ser anualmente reajustados”, justificou o juiz ao Globo.

Com salário-base de R$ 28.948, a remuneração bruta de Moro chega a R$ 34.210, se somados os benefícios — acima, portanto, do teto constitucional que é de R$ 33.763. Em dezembro de 2017, Moro ganhou gratificações no total de R$ 6.838, elevando o salário para R$ 41.047.

Conforme mostrou a Folha de S.Paulo nesta sexta-feira, dia 2, Moro é dono de um apartamento em Curitiba. O recebimento do benefício não é ilegal. Uma liminar do ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, garante a todos os magistrados, mesmo aqueles que têm residência própria na cidade onde trabalham.

Mas nem todos os juízes fazem uso do benefício como complemento salarial, a exemplo de Moro. Pelo menos 15% dos magistrados da 4ª Região, que compreende Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, abriram mão do auxílio-moradia. Desde a liminar de Fux, os integrantes da 4ª Região já receberam R$ 71,3 milhões dessa verba.

A decisão provisória do ministro será julgada pelo plenário do Supremo provavelmente em março, segundo a presidente do Supremo, Cármen Lúcia.

O benefício não conta para o teto constitucional dos vencimentos do setor público, hoje em R$ 33.763. Atualmente 26 ministros de tribunais superiores em Brasília recebem o auxílio-moradia mesmo tendo imóvel próprio na capital, segundo a Folha.

Responsável pela Lava Jato no Rio, o juiz Marcelo Bretas e sua esposa, também juíza, recorreram à Justiça para que o casal acumulasse os dois benefícios, prática vetada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Centenas de pessoas se manifestaram sobre o assunto nos espaços de comentários dos sites dos principais jornais do Brasil. E muita gente não escondeu a surpresa e a decepção com o fato de o juiz Moro (considerado por muitos como sendo um exemplo de moralidade) acrescentar ao seu gordíssimo salário o tal do auxilio moradia.

Pelo que a reportagem do Oi constatou nas sessões de comentários, muita gente acordou para a realidade de que o juiz Moro não deve e nem pode ser considerado como a referência o exemplo máximo a ser seguido, bajulado ou considerado como sendo um semideus ou salvador da pátria. Acorda Brasil.

Santa Isabel oferece oficina de criação de histórias em quadrinhos

Em mais uma parceria da Prefeitura de Santa Isabel, por meio da Secretaria Municipal da Cultura, com o Governo do Estado de São Paulo, POIESIS, Oficinas Culturais e Secretaria Estadual da Cultura, será realizada a Oficina de Criação de Histórias em Quadrinhos.

“Santa Isabel é reconhecida como a Capital Nacional das Histórias em Quadrinhos e foi aqui na nossa cidade que nasceu o maior nome das HQ’s do Brasil, Mauricio de Sousa, mas no município temos outros grandes artistas e tenho certeza que surgirão cada vez mais nomes expoentes do seguimento”, disse o Secretário Municipal da Cultura, Tiago Pierre.

O participante vai aprender a criar sua própria história em quadrinhos de maneira livre, além de desenhar seus personagens e criar seu próprio estilo, dando asas a sua imaginação e desenvolvendo o seu talento.

A Oficina, que é indicada para maiores de 16 anos, terá a coordenação de Magô Pool e será realizada nos dias 1, 2, 8 e 9 de março, das 13h30 às 16h30, na Gibiteca Mauricio de Sousa, localizada na Avenida Nove de Julho, 148 – Centro. Ao todo serão 20 vagas disponíveis que serão preenchidas por ordem de inscrição.

“Além de valorizar e incentivar os artistas Isabelenses, estamos trabalhando para que essa arte continue forte em Santa Isabel e que novos talentos apareçam no município”, afirmou a Prefeita de Santa Isabel, Fábia Porto.

As inscrições vão até o dia 23 de fevereiro na Secretaria Municipal da Cultura, localizada na Avenida da República, 118 – Centro, ou pelo telefone 4657-3464. Para mais informações entre em contato com a Secretaria Municipal da Cultura, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Gaeco prende sete suspeitos de envolvimento com o crime organizado

Nesta sexta-feira, dia 2, o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de São Paulo e a Polícia Militar deram cumprimento a 12 mandados de busca e apreensão e a sete mandados de prisão temporária, todos expedidos pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Suzano.  Batizada de “Cooperativa”, esta é a quarta operação deflagrada pelo Gaeco só em 2018.

As ordens judiciais foram emitidas em razão do apurado em procedimento investigatório criminal que identificou o envolvimento do Primeiro Comando da Capital (PCC) com a cooperativa responsável pelo fornecimento do serviço de transporte público na cidade de Suzano.

As investigações, que duraram cerca de um ano, constataram que uma cooperativa é utilizada por membros do PCC como fachada para a exploração do tráfico de drogas na cidade, com a participação, inclusive, de políticos da região.

De acordo com informações da assessoria do Ministério Público, a  Operação Cooperativa contou com a atuação de seis promotores de Justiça, dois agentes e aproximadamente 60 policiais militares.

Em 2017, o Gaeco deflagrou em média uma operação a cada cinco dias, atingindo números recordes. Foram registradas 880 buscas e apreensões e 1.339 prisões, o que representa crescimento de 17,8% e 8,7%, respectivamente, em relação a 2016. No item apreensão de drogas registrou-se também aumento expressivo em 2017 sobre 2016: 29,1%. Foram cerca de 24 toneladas apreendidas ao longo do ano passado.

Suzano Shopping reage a boatos de crise e anuncia a chegada de novas lojas

Os moradores de Suzano e região que gostam de ir às compras estão com muitos motivos para visitar o Suzano Shopping. Além das mais de 107 lojas já presentes no local, o empreendimento recebe, a partir deste mês, mais quatro marcas para facilitar a vida dos clientes.

A grande novidade fica por conta da Miniso, loja japonesa de facilidades que desembarcou no Brasil há pouco mais de um ano e está conquistando o público nacional. A inauguração do espaço no Suzano Shopping está prevista para a segunda quinzena de fevereiro e espera atrair o público da região.

Além disso, a Youcom, marca conhecida pelas opções de looks jovens, a Planet Steel, que oferece uma grande variedade de semijoias e a Drogaria Santa Suzana, também se instalarão no local em breve, segundo informações transmitidas nesta sexta-feira pela assessoria de imprensa do centro de compras.

 

Fechamento de lojas

A iniciativa do Suzano Shopping de anunciar a chegada de novas lojas  para as próximas semanas, acontece um dia após a reportagem do Jornal Oi  ter questionado a direção do shopping sobre o fechamento de diversas lojas e também da livraria Nobel.

O Oi questionou o centro de compras sobre o risco de outros lojistas desistirem da operação o que colocaria em risco o futuro do negócio. A direção do centro de compras preferiu não se manifestar (na quinta-feira) mas fez o anúncio (nesta sexta-feira) das novidades que estão por vir.

A manifestação do Suzano Shopping indica que o centro de compras pretende, rapidamente, tranquilizar os empresários e comerciantes instalados no local e oferecer mais alternativas aos visitantes e consumidores.

Hospital de Mogi vai receber acelerador linear para tratar pacientes com câncer

O Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo, em Mogi, foi incluído no Plano de Expansão da Radioterapia do Ministério da Saúde. A unidade já possui uma casamata vazia – espaço destinado para a instalação do aparelho – e será contemplado com um acelerador linear para garantir o atendimento aos pacientes que necessitam desse tipo de tratamento. A escolha para a inclusão veio após análise que constatou um déficit no serviço de radioterapia da região.

Com isso, a unidade receberá um investimento federal de R$ 1,9 milhão para implantação. O novo equipamento atenderá cerca de 1.200 pacientes por ano, segundo informações transmitidas na tarde desta sexta-feira, dia 2, pelo Ministério da Saúde.

Ainda de acordo com o ministério, atualmente o hospital Luzia já oferta outros cuidados no tratamento contra o câncer como, cirurgias oncológicas e sessões de quimioterapia. Nas próximas horas a direção do Hospital Luzia de Pinho Melo e a Secretaria Estadual de Saúde poderão esclarecer em quanto tempo esse equipamento poderá ser instalado na ala de atendimentos aos pacientes com câncer.

Tenda Atacadista deve ser inaugurada até o fim de março na rua Baruel

A reportagem do Jornal Oi apurou na tarde desta sexta-feira, dia 2, que a loja do supermercado Tenda Atacadista em Suzano deverá ser inaugurada até o final de março, ou seja, dentro de 60 dias. A loja de Suzano está sendo instalada na rua Baruel, na área central da cidade.

O imóvel que até alguns anos atrás abrigou uma loja do supermercado Semar esta passando por uma grande reforma, como revela a foto produzida na tarde desta sexta-feira.

O Tenda de Suzano deverá gerar pouco mais de 100 empregos, sendo que o Pronto Atendimento ao Trabalhador (PAT) da cidade já estaria recebendo os currículos das pessoas interessadas em ocupar as vagas que serão oferecidas por este novo supermercado que que será o primeiro com perfil de atacadista a atender aos consumidores da área central de Suzano.

O supermercado deverá inaugurar uma outra loja na região do Alto Tietê até o final do mês que vem: trata-se da unidade que está em fase final de construção no terreno onde funcionou por vários anos o Complexo Esportivo Birutão, em Ferraz.

 

Shibata em Suzano

No final de 2017 a cidade ganhou a primeira loja do supermercado Shibata. O supermercado foi instalado no prédio onde funcionava até o primeiro semestre do ano passado uma unidade do supermercado Extra.  O Shibata iniciou suas atividades na cidade contratando mais de 160 trabalhadores.

Governo Biruta ‘empurra com a barriga’ a retomada das casinhas da Vila SP

Nessa semana a reportagem do Jornal Oi questionou o governo do prefeito José Carlos Fernandes Chacon (PRB), o Zé Biruta, sobre um cronograma para a retomada e finalização das obras de um conjunto habitacional (Morar Bem) que começou a ser implantado no bairro da Vila São Paulo – ainda na gestão do ex-prefeito Dr. Jorge.

O conjunto conhecido em Ferraz como ‘as casinhas da Vila São Paulo’ já foi invadido três vezes e as 127 casas estão completamente abandonadas. Confira abaixo as respostas do governo Biruta aos questionamentos do Oi.

As respostas evidenciam que o governo de Ferraz não sabe como resolver (ou não tem interesse) o problema, sendo que milhares de famílias esperam por moradias em Ferraz.

Jornal Oi  – O governo de Ferraz já tem uma soluções para as  127 casas (abandonadas) da Vila São Paulo? qual é o cronograma do governo para resolver o assunto neste ano? as obras serão retomadas e finalizadas até dezembro?

Governo de Ferraz –  Depois de realizada a reintegração de posse em 2017, o caso foi encaminhado a Corregedoria da Prefeitura, que instaurou uma sindicância para apurar as responsabilidades e depende da conclusão dessa sindicância para que de tome procidências em relação as casas da Vila São Paulo.

Renova Brasil: Juliana Cardoso é escolhida para mudar a política na região

A engenheira ambiental Juliana Cardoso está entre as cem pessoas selecionadas, de mais de quatro mil inscritos, que estão recebendo formação em Política pelo Renova Brasil (Renova BR) – grupo Pró-Renovação Política que concede bolsas de estudos para quem deseja se candidatar ao Legislativo Estadual e ao Congresso Nacional.

Com aulas presenciais e à distância, o curso oferecido pela organização sem fins lucrativos prevê disciplinas como Sistema Legislativo, Marketing Político, Direito Eleitoral, Liderança e Ética, Papel do Estado, Ciência Política e Marketing Eleitoral. Com início em janeiro, a formação chega ao fim em julho deste ano.

Para apresentar oficialmente a mais nova turma do Renova BR será realizado um evento nesta sexta-feira, 2, no Teatro do World Trace Center (avenida das Nações Unidas, 12.551 – São Paulo), das 9 às 12 horas.

Além do curso em si, os selecionados têm à disposição acompanhamento individualizado de coaches na Sociedade Brasileira de Coaching, referência internacional no assunto. A carga horária total da formação é de 240 horas, entre atividades obrigatórias e eletivas.

Aos 28 anos e filiada ao PR, Juliana Cardoso está envolvida com outros movimentos que defendem a oxigenação na Política, a alternância dos poderes, a profissionalização de várias frentes e práticas que tenham como finalidade melhorar a vida das pessoas. É o caso, por exemplo, da Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (Raps Brasil), do Movimento Agora e da Fundação Lemann.

As experiências adquiridas nestes grupos serão somadas ao currículo da engenheira ambiental, que cursou mestrado em Administração de Negócios, em Administração Pública e em Direito Público, além de ter concluído o Curso de Integridade e Valores em Gestão Pública, na Escola de Governo de Blavatnik, na Universidade de Oxford, neste ano, com bolsa integral.

As várias formações da suzanense, inclusive, a credenciaram para fazer parte o Renova BR. O curso está sendo oferecido sem custos para os selecionados. Em contrapartida, todos os cem jovens devem ter compromisso com a transparência, além de motivação para fazer do Brasil um País melhor:

“A ideia do Renova BR é preparar candidatos, mas não só para se elegerem, e sim para que se tornem políticos com propósito, que possam fazer uma Política acolhedora, comprometida com o Brasil, de fato. E, com os aprendizados adquiridos durante o curso, colocar em prática mecanismos de renovação, ao passo em que se defende a participação popular. Estar com as pessoas e ouvi-las é tão importante quanto anteder suas necessidades”, argumenta a empresária.

Renova BR

O Renova BR buscou na agenda de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU) referências para o futuro do Brasil, valorizando, ainda, democracia, ética e vontade de servir a sociedade.

O Renova BR também defende o combate irrestrito à corrupção, gestão fiscal responsável, priorização do cidadão em detrimento da máquina pública, políticas sociais que promovam a igualdade de acesso à educação básica, à saúde e à segurança de qualidade, respeito às liberdades individuais e, por fim, gestão sustentável dos recursos naturais.

Leandro Bassini assume a Educação, com total apoio do prefeito Ashiuchi

O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PR), confirmou nesta quinta-feira, dia 1º, que o professor Leandro Bassini e o novo secretário de Educação da cidade. Ele assume o posto do empresário e ex-secretário Nazih Francis – que pediu para deixar o governo. Leia mais sobre a saída e Nazih neste site.

 

Para Bassini, assumir como secretário de Educação será um desafio grande. Por meio da Secretaria de Comunicação da prefeitura de Suzano, o novo secretário destacou que os objetivos a partir de agora são a produção de material didático de apoio para os professores, como maneira de incentivar uma formação ativa e contínua que agregue valores; dar tranquilidade legal em relação a todos os processos envolvendo o quadro que estão em andamento; promover a organização curricular para incentivar os educadores a repensarem o trabalho que é realizado nas escolas; entre outros.

O ser político projeta o que se quer para o futuro. Vamos sonhar e fazer juntos. Vamos avançar mais. Fizemos a base, a sustentação, e tiramos os obstáculos, porque a situação que encontramos quando chegamos era caótica. Agora temos um caminho mais fácil, porém há muito a ser feito e este será um processo de médio e longo prazos, principalmente a modernização da rede”, disse Bassini. Em seguida ele fez uma pequena apresentação aos presentes sobre Educação e o que pode ser implementado na rede.

 

Perfil do novo secretário

Leandro Bassini é graduado em História e pós-graduado em História Econômica, ambos pela Universidade de São Paulo (USP). Lecionou e foi coordenador e diretor nas redes particular e pública, tanto para alunos dos ensinos fundamental e médio como para estudantes do antigo Centro Específico de Formação e Aperfeiçoamento do Magistério (Cefam).

 

Atuou como professor universitário durante 25 anos nos cursos de História, Pedagogia e Jornalismo de uma instituição de nível superior em Mogi das Cruzes. Também foi diretor em uma faculdade particular de Suzano e trabalhou durante oito meses na Secretaria de Educação da Prefeitura de Itaquaquecetuba. Desde janeiro de 2017 era diretor da pasta de Educação suzanense, a convite do agora ex-secretário Nazih Franciss.

 

Apoio do prefeito 

O anúncio foi feito em dois momentos, pela manhã e à tarde desta quinta-feira, no Complexo Educacional Mirambava, para mais de 1,5 mil educadores (750 em cada período), entre diretores, coordenadores, supervisores de ensino e professores. Durante sua fala, o prefeito deixou claro que Bassini não é interino nem estará na função em exercício, mas que já é de fato e oficialmente o novo secretário municipal de Educação.

O professor Leandro está assumindo a função e vai dar continuidade ao nosso planejamento para a Educação. Ele e eu temos uma responsabilidade muito grande pela frente, juntamente com vocês. Por isso, peço o apoio de todos novamente. E também garanto que a equipe não vai mudar. Será dado andamento a esse importante trabalho que começamos em 2017”, afirmou Ashiuchi.

Centerpex Cinemas Suzano Shopping