27 de novembro de 2020
Publicidade
Fale com o OI no WhatsApp
Início Autores Posts por Gabriel Souza

Gabriel Souza

Gabriel Souza
790 POSTS 0 COMENTÁRIOS
Estudante de Jornalismo - Uninter Estudante de Licenciatura em História - Unisa Repórter e Social Media em Política

Candidato Pedro Ishi declara amor por Suzano e coloca a Saúde como sua principal bandeira se eleito!

Pedro Charles Shirakawa Ishi, o Pedro Ishi, é candidato a vereador por Suzano pelo PTB, aos 30 anos, o jovem Autônomo conversou com a reportagem do Jornal Oi e falou sobre seus projetos, bandeiras e o que pretende transformar na política da cidade.

Pedro Ishi inicia a entrevista honrando a história de seus país, Milton Ishi e Márcia, trabalhadores e guerreiros na cidade, é perceptível que o espirito de garra e luta para atingir os objetivos é familiar. Aos 13 anos, o candidato começou a trabalhar na Auto elétrica Ishi, e afirma que desde aquele tempo possui um amor pela cidade, na qual não pensa em se mudar.

O candidato relata que a trajetória de sua família na cidade inicia com a vinda de seus avós para Suzano na década de 60 e revela que seu primeiro contato com a política foi em 2004, na época, ele teve a oportunidade de participar da campanha do atual prefeito Rodrigo Ashiuchi para vereador.

Pedro acredita que a política é a ferramenta fundamental para a mudança de uma sociedade melhor, e relata que vai tentar se eleger para retribuir e trabalhar pela cidade que o acolheu.

“Recebi este convite e tentarei ser eleito e trabalhar pela cidade que acolheu a minha família de braços abertos. Pretendo fazer um mandato participativo , transparente e o mais importante estar sempre de portas abertas para a população” Declarou.

Pedro relata que vai ser o vereador da Saúde, e coloca a área como sua principal bandeira a ser defendida se for eleito parlamentar na cidade.

Se eleito, o candidato do PTB afirma que a população pode esperar um mandato com integridade, transparência, honestidade e muito trabalho pela cidade de Suzano.

Apoiadores do candidato enviaram mensagens de apoio a Pedro, o jovem candidato demonstra possuir carisma pelas pessoas e transparece que se eleito for, pode se tornar um líder dentro do legislativo suzanense.

“Apoio o Pedro porque sei do seu trabalho nesses últimos anos pela cidade de Suzano. Como diretor de saúde já fez muito, e como vereador sei que pode fazer muito mais, sempre com transparência e portas abertas para os suzanenses.” Samuel Barão.

“Apoio o Pedro pois ele é um candidato diferenciado, não promete ,e age sempre com muita transparência! Um homem do bem, caráter imensurável e de família, que eu tenho certeza que fará muito ainda pela cidade de Suzano , essa em que ele foi nascido e criado!” Izabela Maciel.

“Eu acredito no Pedro, porque a muito tempo a nossa cidade não tem um representante que seja acessível e transparente com a população, e o Pedro é diferente, porque ele não promete, mas sempre ajuda quem mais precisa.” Ana Caroline

 

 

Deputado questiona Secretaria de Saúde do estado sobre quando deve voltar as cirurgias de câncer, que estão adiadas devido a pandemia

O deputado Carlos Cezar (PSB) enviou um ofício ao secretário de Estado da Saúde, Jean Carlo Gorinchteyn, questionando sobre como a pasta tem administrado a demanda reprimida causada pelo adiamento das cirurgias de câncer de mama em razão da pandemia do novo coronavírus.

O Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC), por exemplo, teve uma redução de 44% no número de cirurgias até o mês de maio. Em muitos casos, os próprios pacientes cancelaram as cirurgias anteriormente agendadas com receio de serem infectados pelo coronavírus se fossem aos hospitais.

Segundo o cirurgião oncológico do IBCC, Abner Barrozo, adiar cirurgias oncológicas pode ser perigoso e trazer consequências muitas vezes irreversíveis para o paciente. “O câncer pode ser mais agressivo se houver demora na realização de uma cirurgia. O cuidado tardio ou indevido pode reduzir as chances de cura do paciente”, afirmou o médico.

Em razão desse abandono temporário do tratamento, acredita-se que agora haja um aumento no número de casos avançados de câncer, fato esse que dificulta alcançar-se a cura do paciente. Por essas razões, o deputado Carlos Cezar, cumprindo sua função de fiscalizar o Poder Executivo, cobra respostas da Secretaria de Saúde sobre essa demanda.

Ex-assessora de Flávio Bolsonaro confessa “rachadinha” e repasses para Queiroz, fato deve esquentar bastidores em Brasília

Luiza Souza Paes, é ex-assessora do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), ela é peça fundamental na investigação contra um dos filhos do presidente. A mulher confirmou ao Ministério Público do Rio que repassava seus rendimentos para Fabrício Queiroz, o suposto operador do então deputado estadual no esquema das “rachadinhas”.

Flávio, Queiroz, Luiza e outras quatorze pessoas foram denunciadas pela Promotoria. O depoimento da ex-assessora foi revelado pelo Jornal O Globo.

Em depoimento realizado em Setembro deste ano, Luiza confessou que de fato, nunca trabalhou para Flávio, mesmo após ter passado cerca de seis anos nomeada no gabinete dele e em outros cargos na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Luiza relata, que era obrigada a repassar mais de 90% dos salários para Queiroz, ela apresentou extratos bancários, que demosntram transferência de R$ 160 mil para o ex-assessor durante esse período, entre 2011 e 2017.

Este interrogatório foi fundamental para o Ministério Público dicidir denunciar Flávio e seus assessores. Este depoimento, foi a primeira vez que um “ex-funcionário” do filho do presidente Jair Bolsonaro assumiu diante da Promotoria que era “fantasma”.

Com os repasses, Luiza ficava apenas com cerca de R$ 700 por mês. Ela precisava transferir para Queiroz até valores referentes a 13º salário, férias e vale-alimentação, por exemplo.

A ex-assessora incluiu também ainda outros colegas de gabinete que também supostamente participaram do esquema: As filhas mais velhas de Queiroz, Nathália e Evelyn, além de uma amiga da família dele, Sheila Vasconcellos.

Luiza é filha de Fausto Antunes Paes, amigo próximo ao suposto operador. Eles jogavam juntos uma pelada de futebol em Oswaldo Cruz, na zona norte do Rio, chamada de “Fala tu que eu tô cansado”. As famílias Queiroz e Paes foram vizinhas naquele bairro.

No depoimento, Luiza disse que se envolveu com essas práticas aos 19 anos, enquanto ainda cursava a faculdade de Estatística. Pediu um estágio a Queiroz por meio do pai, e ele a inseriu no esquema da Alerj. Ela alegou que só ficou sabendo que não trabalharia de fato – e que precisaria repassar os valores – no dia da nomeação.

Em junho deste ano, no pedido de medidas cautelares que resultou na prisão preventiva de Queiroz, o MP elencou uma série de provas que já mostravam que Luiza não comparecia à Assembleia para trabalhar. Ao rastrear os passos dela por meio do celular, os investigadores apontaram que a ex-assessora só foi ao Palácio Tiradentes em três ocasiões – e apenas para assinar o ponto. Dentro do período ao qual os investigadores tiveram acesso aos dados, entre 2014 e 2017, ela esteve nomeada por 792 dias.

Com Estados Unidos em apuração de votos, Bolsonaro crítica Biden e ressalta torcida por Donald Trump!

Nesta quarta-feira (04), ainda com os votos em apuração nos Estados Unidos, o presidente Jair Bolsonaro reiterou sua torcida pela reeleição de Donald Trump. Para apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada, o presidente negou que esteja interferindo na disputa americana.

O presidente foi questionado se estava interferindo na disputa eleitoral dos Estados Unidos e brincou ao sugerir opções de como poderia interferir no pleito: “Quer como? Econômica, bélica, militar ou cibernética?”.

O presidente aproveitou a oportunidade para criticar quem sugira que exista alguma interferência sua nas eleições.

“Quem fala isso, quem escreve isso, tem que deixar os banquinhos escolares e ver como que é a realidade. Preferência acho que todo mundo tem, e não vou discutir com ninguém”, afirmou Bolsonaro a apoiadores.

O presidente voltou a destacar também aos mesmos apoiadores que possui uma boa relação com o presidente estadunidense Donald Trump.

Bolsonaro também fez referências ao candidato democrata Joe Biden.

“O candidato democrata, em duas oportunidades falou sobre a Amazônia. É isso que vocês tão querendo para o Brasil? Aí sim uma interferência de fora pra dentro”, declarou o presidente sobre Joe Biden.

O presidente citou que recebe diversas críticas devido possuir um bom relacionamento diplomático com os Estados Unidos e que a boa relação entre os dois países não existia em governos anteriores, com exceção da gestão de Michel Temer.

“Acham que eu devia ser inimigo dos Estados Unidos, ou criticar o governo americano, e elogiar a Venezuela, Cuba, e outros países que não tem nada de exemplo pra nós aqui na América do Sul.” Disse.

Com propósito de transformação, Khalil Turquinho quer renovar a política de Suzano!

Khalil Youssef Pivoto Moussa, tem 22 anos, o motorista particular é candidato a vereador por Suzano, ele é popularmente conhecido como Turquinho, de família com boa índole e conduta responsável na cidade de Suzano.

A trajetória de Khalil Turquinho na cidade iniciou pela tradição de sua família, com a chegada de seus avós, que foram os primeiros comerciantes no município e desde então, cada geração tem deixado seu legado e contribuição com Suzano.

O candidato ressalta que sempre teve em suas veias o DNA da política, entretanto, somente na última eleição ao apoiar um candidato a vereador, ainda com 18 anos, sentiu que poderia contribuir politicamente com Suzano e através desta experiência, começou a participar da política municipal.

Turquinho ressalta o motivo que o fez ser candidato a vereador por Suzano, segundo o candidato, possuir o sonho de mudar e melhorar a cidade foram primordiais para fazer com que ele decidisse, juntamente com sua família, ser candidato a vereador pelo Republicanos.

O candidato ressaltou a reportagem o que pretende transformar no legislativo de Suzano e não poupou palavras para exaltar que a união de juventude está entre suas principais lutas na câmara.

“Transformar a câmara e fazer com que haja mais participação popular, fazendo com que possamos combater o tráfico e a prostituição da cidade e fazer também com que a nossa juventude e as famílias de nossa cidade se unam, trazendo mais esporte e lazer” Ressaltou o candidato.

Entre as bandeiras que o candidato pretende defender, ele destaca também que deve lutar no legislativo suzanense pelos portadores de necessidades básicas, pelos esportistas e também pela classe LGBTQI+.

Ao ser questionado sobre o que as pessoas podem esperar, caso ele seja eleito, Khalil Turquinho afirma que vai manter sua humildade e jeito de ser e afirma que vai ser um parlamentar atuante e andando de bairro em bairro buscando sempre a melhoria e a felicidade dos cidadãos.

Khalil Turquinho é candidato a vereador pelo Republicanos. Alguns apoiadores do candidato enviaram a reportagem mensagens de apoio e gratidão ao jovem.

“Eu apoio o Khalil porque acima de tudo acredito que a juventude aliada à honestidade, à força de vontade e justiça sejam pré-requisitos essenciais a quem faz parte das políticas públicas; e isso eu enxergo nele e por isso é meu candidato! É com pessoas assim, e com esses propósitos que nossa Suzano vai continuar mudando e cada vez mais pra melhor!!” Edmila.

“Boa tarde a todos, aqui quem vos fala é o Gustavo e estou apoiando o Khalil turquinho pois o conheço a tempo o bastante pra dizer que é um cara de boa índole, e eu acredito na juventude e também acredito que ele fará a diferença, tem meu apoio total e de meus familiares.” Gustavo.

“Eu apoio Khalil por ser um jovem consciente do seu papel de cidadão. Por ter atitudes empáticas diante das necessidades do próximo.
Acredito na sua energia, caráter e juventude para buscar a melhoria e transformação social para nossa cidade.
Eu apoio em quem confio. Eu confio em Khalil.” Joelba

 

“Não pode ter pedágio na Mogi-Dutra! Não tem o menor sentido”, diz Bertaiolli ao vice-governador Rodrigo Garcia

Na última sexta-feira (30), sobre muita chuva, o governador em exercício Rodrigo Garcia (DEM) esteve em Suzano para entregar as obras de revitalização asfáltica e alteamento na Estrada da Duchen, na região de Palmeiras.

O governador realizou inúmeros anúncios, como a duplicação da Mogi-Dutra, a continuação da SP-43 e a abertura do HC de Suzano somente no segundo semestre de 2021.

Conforme já destacado pelo Jornal Oi Diário na edição de sábado, ao citar a Alça do Rodoanel, o governador não cedeu novas informações acerca do assunto e afirmou que espera, anunciar em breve a execução e o local desta obra.

Durante a inauguração, o deputado federal Marco Bertaiolli utilizou o momento de sua fala e agradecimentos para cobrar o governador sobre o pedágio que a Artesp pretende instalar na Mogi-Dutra. O parlamentar foi incisivo em seu questionamento, e relatou que a via foi construída pelo município, sendo assim, já possuindo um custo altíssimo para Mogi e que não é justo cobrar novamente dos trabalhadores da cidade, que devem sofrer consequências rígidas se esse pedágio for instalado.

“Não pode ter pedágio na Mogi-Dutra! Não tem o menor sentido. A Artesp que é uma agência independente, como eu já mencionei, tem autonomia para fazer seus projetos e propor o que quiser. Tem um detalhe interessante governador que o senhor pode propor, a Mogi-Dutra, não foi construída pelo governo e sim pela prefeitura municipal. Desse modo, não faz sentido uma obra que já custou tanto aos cofres do município, agora custar ao bolso dos mogianos” Delcarou Bertaiolli ao governador Rodrigo Garcia.

Rodrigo Garcia além de mencionar as obras entregues e aquelas que vão ser realizadas pelo governo do estado, esclareceu o pedido feito pelo deputado Marco Bertaiolli e ressaltou que deve apoiar a luta do deputado e munícipes da cidade para que não haja o pedágio na Mogi-Dutra.

“É uma ideia da Artesp, que é uma agente reguladora de serviços, e as vezes, ela tem essa proposta de colocar o pedágio em um local que já está pronto e pegar o dinheiro dali, e gastar em outro lugar. Nós temos que equilibrar isso e insistir para a Artesp, que ela deve colocar pedágio aonde necessita fazer obra, e não onde já está tudo pronto.”

A luta contra o pedágio na Mogi-Dutra tem sido uma luta dos deputados estaduais e federais da região, do prefeito Marcus Melo e também da população, a resposta de Rodrigo Garcia de fato acalma um ambiente tumultuado referente ao assunto.

Sem mamata mesmo? Membro da família Bolsonaro ganha novo cargo no Senado com salário de R$ 17 mil

Há 19 dias, Leonardo Rodrigues de Jesus, o Léo Índio, pedia demissão do gabinete do senador afastado Chico Rodrigues (DEM-RR), aquele que foi flagrado com dinheiro na cueca.

Léo Índio que é primo dos filhos do presidente Jair Bolsonaro, foi nomeado assessor parlamentar da Primeira Secretaria da Casa, comandada pelo senador Sérgio Petecão (PSD-AC), aliado do governo. O salário é de R$ 17.319,31.

Léo Índio, pediu exoneração do cargo de assessor do senador Chico Rodrigues vinte e quatro horas depois de uma operação da Polícia Federal, que fora realizada em 14 de Outubro, e que encontrou 33.150,00 reais na cueca do então vice-líder do governo e outros R$ 10 mil e US$ 6 mil em um cofre.

No gabinete de Chico Rodrigues, Léo Índio tinha salário de R$ 22 mil.

Sobrinho de Rogéria Bolsonaro, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro, Léo Índio foi orientado a deixar a função em uma estratégia para blindar o presidente no caso.

Desde então, aliados do governo começaram a procurar um novo emprego para o primo de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos).

Durante a campanha em 2018, Léo Índio era figura constante em vídeos gravados por Bolsonaro em casa, na Barra da Tijuca, no Rio. Carlos Bolsonaro tentou levar o primo para ter um cargo no governo, entretanto na época, o ministro Santos Cruz impediu a nomeação.

Política de Faroeste! Carro de vereador do Rio de Janeiro é atingido por disparos de Fúzil

Zico Bacana (PODEMOS), é vereador e candidato à reeleição pelo Rio de Janeiro, ele foi baleado durante a noite da última segunda-feira (02) na zona norte da cidade. O parlamentar afirma ter sido vítima de tentativa de homicídio, ele foi atingido de raspão na cabeça, o candidato prestou depoimento a Polícia Civil de aproximadamente três horas.

“O que aconteceu foi realmente tentativa de homicídio. Eu não posso dizer pra você de onde veio, da forma que aconteceu. Foi muito rápido. Vários disparos que foram efetuados”, disse Zico, durante entrevista à TV Globo.

Após o tiroteio, na qual a assessoria do parlamentar classificou como atentado, ele foi levado ao Hospital Carlos Chagas, no mesmo bairro onde aconteceu o crime, foi atendido e liberado.

O carro de Zico foi atingido por quinze disparos de fuzil. Além do parlamentar, outras quatro pessoas foram baleadas, e duas acabaram morrendo.

Zico Bacana, é policial militar e é citado na CPI das Milícias, da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), como integrante do grupo organizado que atua nas favelas da Palmeirinha e da Eternit, em Guadalupe, na zona norte do Rio.

 

Candidato a vereador é agredido em Arujá por suposto coordenador da campanha de Capitão Rodrigo; Candidato a prefeito do PP nega que tenha assessores ou coordenador

Na última quinta-feira (29), a política do velho faroeste ocupou a cidade de Arujá, o jovem candidato a vereador, Gustavo Françoso (Patriota) foi agredido por Diogo Dias Parente, apontado pelo candidato, como um dos coordenadores de campanha do candidato a prefeito Capitão Rodrigo.

Em imagens capturadas por câmeras de segurança na Rua Adhemar de Barros, o jovem Gustavo Françoso estava realizando a entrega de seus santinhos eleitorais, é possível notar, que há um dialogo distante antes da agressão entre o jovem candidato e Diogo Dias.

Em um momento exato, que fora capturado pela câmera de segurança, Diogo Dias se aproxima de Gustavo, e o agride com dois socos na orelha. Munícipes que estavam próximo no momento do confronto, aproveitaram a ocasião para separá-los e acalmar o tenso ambiente.

Nas redes sociais, o candidato Gustavo Françoso (Patriota) alegou em vídeo que nunca pensou se envolver em brigas ou falar sobre o assunto, mas alerta, ter sido covardemente agredido e que Diogo deverá responder criminalmente pela agressão.

A reportagem do Jornal Oi entrou em contato com Gustavo, o candidato relatou que foi ao PAM Barreto após a agressão, ele diz que ao ser atendido pelo médico, foi constatado endema na parte traseira da cabeça. O candidato fez o exame de corpo de delito no IML de Guarulhos e espera as devidas ações sejam tomadas.

Abaixo, o Link da agressão sofrida por Gustavo Françoso.

https://www.facebook.com/gwfrancoso/videos/4403941012956013

Diogo Dias…

A reportagem do Jornal Oi não conseguiu contato com Diogo Dias. O veículo de comunicação está aberto ao mesmo para que cite e faça os esclarecimentos necessários sobre o assunto.

Capitão Rodrigo se pronuncia sobre o assunto…

O Jornal Oi entrou em contato com o candidato Capitão Rodrigo, através das Redes Sociais, solicitando esclarecimentos sobre o assunto, além de questioná-lo se Diogo Dias possui alguma relação com sua campanha. O candidato respondeu de imediato e alegou não possuir coordenador ou qualquer tipo de assessor.

“Você sabia que o camargo está envolvido no desvio de meio bilhão de reais na óperacao lavarapido? Vocês impulsionaram uma publicação fazendo fake a meu respeito quem pagou? Sabendo que ele é réu neste processo vocês não falaram nada? Aguardo resposta até 16:59”

“Não tenho coordenador, assessor ou qualquer coisa tanto é que você está falando comigo.” 

Mario Sumirê diz que vai transformar balneário em Parque Tecnológico; Candidato também defendeu novo viaduto em outro local!

O vereador e candidato a prefeito de Poá, Mario Sumirê, foi sabatinado pelo Jornal Oi durante o inicio de noite desta sexta-feira (30). O candidato falou sobre segurança, combate a corrupção e obras.

Mario Sumirê é candidato a prefeito pelo PSD, atualmente ele é vereador pela cidade e já contribuiu com a gestão Gian Lopes, como secretário de cultura.

O candidato rebateu outros adversários e afirmou que não adianta prometer diversas câmeras na cidade, sem estratégia. Para Mario Sumirê, é necessário haver quatro câmeras em pontos inteligentes da cidade e fazer parcerias com comerciantes do município, para que haja um compartilhamento de imagem.

Sumirê comentou sobre a questão da contratação de Guardas Civis Municipais para a cidade, que atualmente conta com um número reduzido de agentes.

“Eu vou ser o prefeito que vou valorizar esses GCM e vamos contratar os 88 agentes. Para manter essa demanda financeira, nós vamos procurar apoios e parcerias com deputados ou o governo, mas garanto que segurança pública será prioridade!” Declarou Mario Sumirê.

O candidato ressaltou que é necessário haver uma conversa com o estado de São Paulo referente a investimentos para aumentar o efetivo de policiais na cidade, que atualmente encontra-se defasado também.

Sobre corrupção, o candidato afirmou que vai colocar a atual controladoria da cidade para funcionar. Este controle interno, é uma recomendação do tribunal de contas do estado, e trata de averiguar como está as contas da prefeitura e principalmente constatar se há irregularidades com o dinheiro público.

“Fui o primeiro presidente de câmara do Alto Tietê a instalar uma controladoria no legislativo, pois quando há este controle interno, que é uma recomendação do tribunal de contas, a população fica mais tranquila, o prefeito fica tranquilo e o presidente da Câmara também!” Ressaltou o candidato.

Mario Sumirê afirmou que seu governo será de investimento nos equipamentos que a cidade já possui, para o candidato, não vale a pena construir novos prédios e deixar aqueles que já existem, abandonados.

Sobre obras, o candidato afirmou que na Vila Perracine atualmente há falta de um posto de saúde no local. Mario Sumirê aprova parceria com empresários que queiram construir na cidade, entretanto, é necessário haver uma contrapartida positiva para o município, que podem se tornar neste posto necessário.

Mario Sumirê afirmou que vai fazer um posto 24 horas em Calmon Viana, e a atual Unidade Básica de Saúde do bairro, será transformado em um hospital veterinário, na qual o candidato ressaltou haver importância em sua gestão.

Sobre o Balneário, Mario Sumirê propõe a ideia de transformar o local em um novo parque tecnológico, que se torne uma incubadora para jovens empreendedores e que possa acolher empresários para qualificação da juventude Poaense.

“Naquele local você vai ter uma sala e espaço para desenvolver suas ideias, quando você conseguir evoluir sua empresa, você vai gerar empregos em nossa cidade e fazer com que o município evolua!” Ressaltou Mario.

No tocante ao Viaduto, Mario Sumirê ressaltou que se eleito for, vai priorizar as políticas públicas e fazer com que a cidade avance em outras áreas no primeiro ano e posteriormente, após “organizar a casa”, vai procurar o governador para investir no viaduto em outras localidades, pois segundo o candidato, naquele local, vai piorar o trânsito do município, ao invés de melhorar e garantir avanços.

Mario Sumirê finalizou a sabatina ressaltando que está preparado para ser o próximo prefeito da cidade e ressaltou que é a verdadeira mudança para a cidade de Poá.