Arujá promete iniciar a vacinação contra Covid em gestantes e puérperas nesta semana
Segundo os dados dessa segunda-feira foram vacinadas sete grávidas ou puérperas e a fila de espera conta com dez gestantes, que já podem agendar a sua vacina/ Foto: Divulgação
Tenda Atacado

Depois da suspensão temporária da vacinação contra a Covid-19 para as grávidas e puérperas, Arujá recebeu, no final de semana passado, 230 doses da vacina Coronavac destinadas às gestantes acima de 18 anos e com comorbidades, além das puérperas (mulheres que deram a luz em até 45 dias) que se encontram nesses mesmos requisitos.

Segundo os dados dessa segunda-feira, 17, foram vacinadas sete grávidas ou puérperas e a fila de espera conta com dez gestantes, que já podem agendar a sua vacina.

A vacinação ocorre de segunda a sexta-feira, das 8 às 16h30, no Ginásio Habib Tannuri, localizado na rua Maranhão, 386, centro (rua da feira do centro).

Para receber a dose, além de se cadastrarem no site do Vacina Já e concluírem o agendamento no site da prefeitura de Arujá, as grávidas em qualquer período gestacional deverão também apresentar comprovante de acompanhamento e/ou pré-natal ou laudo médico.

As puérperas podem utilizar a declaração de nascimento da criança. Para ambos os casos, é necessário comprovar a comorbidade apresentando documentos de saúde como exames, receitas, relatório ou prescrição médica.

Vacinação de Motoristas e Cobradores  

A Secretaria de Saúde de Arujá informou que receberá 190 doses da vacina Astrazeneca para vacinar motoristas e cobradores. No entanto, ainda não foram definidas as datas para a imunização.

Vacinação Solidária

Se puder, no ato da vacinação, doe 1 kg de alimento não perecível, que será entregue pelo Fundo Social de Solidariedade às famílias carentes de Arujá.

Evitar aglomerações

A Secretaria Municipal de Saúde solicita às pessoas que forem se vacinar nos sistemas convencionais, tanto na campanha da H1N1, quanto da Covid-19 (que é realizada somente com agendamento no ginásio Habib Tannuri, na rua da feira do Centro), que evitem levar familiares, se possível, para não gerar aglomerações.

A pasta solicita a colaboração de todos, para que o esquema vacinal seja tranquilo e seguro.