Tenda Atacado

A vereadora de Itaquaquecetuba, Adriana do Hospital (PL), protocolou na última terça-feira (01), uma denúncia com apontamentos realizados pelo Ministério Público Estadual, que alega diversas irregularidades nas contas da prefeitura referente ao ano de 2017.

Em vídeo, a vereadora Adriana do Hospital (PL) revela que teve acesso aos relatórios desde o último dia 13 de Outubro deste ano, e ressalta que não divulgou ou realizou qualquer denúncia, pelo fato de ter sido candidata a prefeitura da cidade durante o município.

“Não denunciei durante o período eleitoral, pois poderiam alegar que estaria usando este relatório gravíssimo para justificar que não sou a candidata do prefeito, mas afirmo novamente, não fui ligada ao atual governo durante as eleições.” Ressalta Adriana.

Adriana relata que as contas apontadas pelo Ministério Público foram registradas com gravíssimas avaliações de gestão em todas as áreas e secretarias e afirmou, que cabem até o afastamento imediato de Mamoru Nakashima.

“Sei que falta pouco para acabar essa gestão, mas temos que tomar ações imediatas para que não aconteça novamente em outra gestão o que está presente neste relatório.” Afirma a vereadora.

A denúncia foi lida durante a sessão da última terça-feira (01) e a decisão e parecer do que deve ser feito e qual posicionamento ser tomado, está nas mãos do presidente da Câmara, Edson da Paiol (Podemos).

Por telefone, Adriana do Hospital ressaltou a reportagem, esperar que o presidente Edson da Paiol possa tomar uma atitude de acordo com os apontamentos gravíssimos registrados pelo Ministério Público.