Viva na Melhor Idade
Pessoas a partir de 60 anos não gostam de ser chamada de velha ou idosa/ Foto: Divulgação
Prefeitura de Mogi das Cruzes

Somos seres em constante crescimento e transformação e quando chegamos a um determinado momento da vida, começamos a nos questionar se estamos velhos. Será que estou velho para praticar tal esporte? Será que estou velho para ir à balada? Será que estou velho para estudar algo novo? Será que estou velho para aprender uma tecnologia nova?

Bem, comecei a analisar a Melhor Idade. Sim, melhor idade! Pessoas a partir de 60 anos não gostam de ser chamada de velha ou idosa, isso não pega bem conforme algumas pessoas da melhor idade me ensinaram.

Além do mais, eles possuem mais energia do que uma pessoa de 30 anos. Quando eles estão na faixa dos 60 pra mais, eles começam a ter outro olhar para a vida. Muitos já trabalharam bastante e agora querem apenas curtir, viajar, passear, outros ainda continuam trabalhando e ensinando com sua experiência de vida os mais novos.

Nesse momento da minha vida, estou tendo a oportunidade de poder cuidar de um Centro de Convivência da Melhor Idade em Suzano e, olha, posso dizer que a cada dia eles me ensinam algo novo. Pude entender que para eles o que realmente importa, é o momento no qual o eles estão e de que maneira eles irão aproveitar, se é de forma mais pacata ou mais intensa.

Preguiça? Essa palavra não existe no vocabulário deles e isso nos faz ter mais energia e apoiá-los. Eles dançam, cantam, praticam esportes e ainda se interessam em aprender coisas novas como, por exemplo, se atualizarem nas redes sociais. Nesse mês de setembro comemora-se o Dia Nacional do Idoso e estava lendo esses dias sobre o tema e números mostram que a partir da década de 2030 o país terá mais velhos do que jovens.

Pensando nisso, vejo que teremos que nos adaptar rapidamente em diversos setores, seja na saúde, mercado de trabalho e até mesmo na estrutura das cidades. Eu pelo menos quero ser uma velhinha bem disposta, atualizada, cheia de vida e compartilhando minhas experiências e conhecimento de vida com os mais jovens. Viva a Melhor Idade!