Vendas no comércio de Itaquá crescem 6,5% no Dia das Mães
O Dia das Mães é a segunda data mais importante para o varejo em termos de vendas, depois no Natal / Foto: Douglas Cordeiro / Cape Press Comunicação

O otimismo dos comerciantes de Itaquaquecetuba se refletiu em bons números no Dia das Mães deste ano. Segundo dados da Associação Comercial e Industrial de Itaquaquecetuba (Acidi) divulgados nesta quarta-feira, 16, as vendas de 2018 na segunda data comemorativa mais importante para o comércio atingiram um aumento de 6,5% se comparadas ao mesmo período do ano passado.

Apesar do crescimento ser inferior ao projetado pela Acidi que, inicialmente, previa 10% de alta nas vendas, os números foram comemorados. “Esse balanço demonstra que o nosso otimismo tinha fundamento e foi comprovado nas vendas do Dia das Mães”, argumenta o presidente da Acidi, Luciano Dávila.

O Dia das Mães é a segunda data mais importante para o varejo em termos de vendas, depois no Natal. Contudo, segundo a Acidi, é praticamente impossível separar com exatidão as vendas decorrentes apenas da data comemorativa. Para uma maior precisão, a entidade isola as atividades mais sensíveis ao consumo de bens ligados à comemoração, como a de vestuário; eletrodomésticos e eletrônicos; móveis e decoração; supermercados; e farmácias e perfumarias. “São os produtos mais procurados neste período por quem quer presentear a mãe”, lembra Dávila.

O presidente da Acidi avalia que o varejo de Itaquá deve prosseguir dentro de sua trajetória de recuperação iniciada em 2017, mas de forma ainda gradual. “Um crescimento mais expressivo ainda vai depender fundamentalmente da melhoria contínua nos, ainda preocupantes, índices de desemprego, para que se viabilize o aumento da massa real de renda dos moradores da cidade e da região”, explica.

No Estado

Em todo o Estado de São Paulo, o comércio deve crescer 3,8% em maio, puxado pelo Dia das Mães, atingindo R$ 53,4 bilhões. A projeção é da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) e, caso se concretize, o varejo encerrará os cinco primeiros meses do ano com uma taxa acumulada de vendas 3,2% superior ao mesmo período do ano passado, que já apresentava avanço de 3,3% ante 2016.

Calendário

Passada a data de Dia das Mães, a Acidi já mira em dois próximos momentos em menos de 30 dias para manter aquecido comércio da cidade: o Dia dos Namorados e a Copa do Mundo. As ações serão divulgadas em breve.