Suzano intensifica ações da GCM nos bairros
Agentes percorreram o município em operação de combate a roubos e contrabandos; nesta semana os agentes deverão percorrer pontos estratégicos em bairros com altos índices de criminalidade / Foto: Irineu Junior/Secop Suzano
Prefeitura de Guararema 360º

A Secretaria de Segurança Cidadã de Suzano está intensificando as ações da Guarda Civil Municipal (GCM) em vários bairros. Só na última semana, 12 agentes, divididos em cinco equipes, percorreram o município em operação de combate a roubos e contrabandos.

Em quatro horas de ação, a GCM esteve no Jardim dos Ipês, no Parque Suzano, no Conjunto Residencial Iraí, na Cidade Cruzeiro do Sul e no Jardim Imperador. Na oportunidade, foram abordadas 96 pessoas com atitudes suspeitas, 23 veículos e 35 motos.

Segundo o assessor especial da Secretaria de Segurança Cidadã Jeferson Ferreira dos Santos, o patrulhamento preventivo e ostensivo e a abordagem são de grande valia, pois a presença da GCM inibe a criminalidade. “A sensação de segurança independe de farda, seja ela o azul-noturno da GCM, o cinza-bandeirante da Polícia Militar ou o verde-oliva do Exército. Nossa atuação tem por objetivo levar até os cidadãos mais segurança”, explicou.

Santos também lembrou das ações que a pasta está desenvolvendo em paralelo às operações de patrulhamento, como o programa Grupo Unido na Ação de Resistência às Drogas (Guard), que já formou centenas de crianças, com orientações sobre temas relacionados à construção da autoestima, confiança e sobre os perigos do uso de entorpecentes.

“Nossos agentes da GCM participaram de um curso de patrulhamento tático motorizado e também foram capacitados para a utilização de armas; a Patrulha Maria da Penha também está em plena atividade na oferta de atendimento às vítimas de violência doméstica; estamos com o trabalho em parceria com a Polícia Militar em blitze na cidade; entre tantos outros projetos”, detalhou o assessor especial da Secretaria de Segurança Cidadã.

Nesta semana, os agentes deverão percorrer pontos estratégicos em bairros com altos índices de criminalidade. Denúncias podem ser feitas pelos telefones 153 e (11) 4745-2150.