Pronto para fazer ‘estragos’ na eleição, Chico Bezerra estará no “Vai Encarar?” para falar dos desafios da saúde em Mogi e região
O vereador mogiano estará, ao vivo, no “Vai Encarar?” desta segunda/ Foto: Glaucia Paulino/Oi Diário
Prefeitura de Mogi das Cruzes

O médico, ex-deputado estadual e vereador em Mogi das Cruzes,  Chico Bezerra (PSB) estará nesta segunda-feira, 13, no programa “Vai Encarar? a partir das 12 horas.

Francisco Bezerra de Melo, ou simplesmente Chico Bezerra, tem história na política mogiana e também é considerado referência por conta de sua atuação na área médica.

Chico trabalha na Santa Casa desde o século passado e também é protagonista na vida política da maior cidade do Alto Tietê. Leia mais sobre a carreira médica e política de Chico Bezerra abaixo.

Neste ano de 2018, Chico Bezerra vai concorrer para deputado federal pelo PSB e essa decisão do ex-deputado estadual está tirando o sono dos principais candidatos da cidade ao Congresso Nacional; especialmente os ex-prefeitos Junji Abe e Marco Bertaiolli.

O problema é que Bezerra poderá tirar votos decisivos para os dois favoritos à eleição para deputado federal, no caso Bertaiolli e Junji.

Chico Bezerra vai falar sobre a decisão de concorrer para deputado e também irá fazer, durante o programa, ao vivo, um diagnóstico dos principais problemas do sistema público de saúde em Mogi e nas cidades vizinhas.

Além disso, o vereador deverá apresentar possíveis soluções para os problemas que afetam os pacientes no Alto Tietê e revelar como ele e outros deputados federais da região (os que forem eleitos) poderão trabalhar para que o sistema de saúde nas cidades do Alto Tietê seja mais eficiente e resolutivo.

Família de políticos no Ceará

Bezerra nasceu em 1949 em Crateús, cidade do interior do Ceará, da qual seu pai, Francisco Moacir Bezerra de Melo, já foi vereador e prefeito. Um de seus tios e um de seus irmãos, também ocuparam os mesmos cargos no município cearense.

Chico Bezerra, no entanto, não queria seguir a carreira política. Decidiu fazer Medicina e mudou-se para São Paulo em 1968, aos 18 anos, a fim de fazer cursinho preparatório para o vestibular.

Um ano mais tarde, ingressou na Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) e veio morar na cidade. Chico se formou em 1974, mas ingressou na Santa Casa ainda como estudante, para fazer estágio.

Desde então, nunca mais deixou o hospital filantrópico, do qual chegou a ser diretor clínico por 10 anos, entre 1980 e 1990. Ele também manteve ligação íntima com a UMC após a formação, tendo sido professor por 23 anos nas áreas de Educação Física e Ginecologia Obstetrícia.

Em 1995, contribuiu com a Saúde do município assumindo a Secretaria Municipal na gestão do ex-prefeito Manoel Bezerra de Melo, o padre Melo. Durante a maior parte deste tempo, conciliou a profissão com a política.

A filiação partidária ocorreu pouco antes das eleições de 1982, a convite do ex-prefeito Waldemar Costa Filho. Chico elegeu-se em sua primeira candidatura, com o sétimo melhor desempenho de todo o pleito.

Em 1988, foi reeleito para a vereança com a maior votação da cidade e, em 1990, ingressou na Assembleia. No pleito seguinte, não conseguiu a reeleição, mas ficou na suplência e acabou assumindo o cargo dois anos mais tarde.

Chico foi candidato a prefeito em 1996 e em 2000, até que em 2008 decidiu retornar à Câmara e conseguiu, mas uma vez, a melhor votação do município.