Polos da Univesp nas cidades do Alto Tietê vão oferecer mais de 1,4 mil vagas gratuitas

0
192

O vestibular para interessados em ingressar em um dos cursos que serão oferecidos pelos novos polos da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), intermediados pelo deputado estadual André do Prado, no Alto Tietê, está com inscrições abertas.

 

Vagas disponíveis

São mais de 1,4 mil vagas em oito das 10 cidades da Região. As disciplinas são ministradas na modalidade a distância e os conteúdos são passados por ferramentas digitais.

Cidades que foram contempladas com polos da instituição:

  • Arujá
  • Guararema
  • Itaquaquecetuba
  • Mogi das Cruzes
  • Poá
  • Salesópolis
  • Santa Isabel
  • Suzano

O número de cidades a receber as unidades reflete o trabalho desenvolvido pelo deputado para viabilizar a chegada da instituição que é considerada a quarta universidade pública estadual ao Alto Tietê.

Foram diversas reuniões organizadas pelo deputado com o vice-governador e secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Márcio França, e com diretor-administrativo da Univesp, professor Ricardo Bocalon, responsável por gerir o projeto.

A aprovação saiu após o Estado entender o impacto positivo que traria às áreas social e econômica da região. Com isso, aumenta-se, em muito, a oferta de cursos superiores públicos na região.

A expectativa é de que as unidades entrem em funcionamento já no próximo semestre. Cinco cursos EAD serão oferecidos entre as oito cidades (confira nesta página o quadro com as vagas oferecidas). O processo seletivo para os novos polos tem inscrições abertas até 5 de janeiro.

Mais informações pelo endereço eletrônico www.vunesp.com.br/uvsp1703.

 

Deputado destaca a importância das parcerias para a implantação dos polos

A parceria com os prefeitos foi fundamental para a conquista das unidades nos municípios. José Luiz Monteiro (Arujá), Adriano Leite (Guararema), Gian Lopes (Poá), Mamoru Nakashima (Itaquaquecetuba), Vanderlon Gomes (Salesópolis) e Rodrigo Ashiuchi (Suzano) abraçaram a ideia e buscaram viabilizar o projeto.

Os prefeitos e vereadores foram grandes parceiros porque entenderam a importância do projeto”, destacou André do Prado. As aulas dos cursos ofertados pela Univesp são virtuais e podem ser feitas conforme a disponibilidade dos alunos. A cada 15 dias, entretanto, entretanto, eles precisam comparecer aos polos para as atividades presenciais.

 


CLIQUE AQUI PARA SEGUIR NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

VEJA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE UNIVESP


 

 

 

COMPARTILHAR