Mogi/Helbor vence São José no Hugão pelo Paulista
O ala Shamell Stallworth, cestinha com 20 pontos, foi um dos destaques do jogo/ Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor

Com um excelente segundo quarto, o Mogi das Cruzes/Helbor bateu o São José por 81 a 77 na noite dessa quinta-feira, 13, no Ginásio “Professor Hugo Ramos” pelo Campeonato Paulista.

Apesar do bom aproveitamento no período, a equipe mogiana sofreu revés em dois quartos: no primeiro (16 a 20) e no quarto (17 a 22). O terceiro foi o mais equilibrado da partida, fechado em 21 a 20 para o time do técnico Guerrinha.

Os destaques mogianos da partida foram o ala Shamell Stallworth, cestinha com 20 pontos, o pivô JP Batista, com 19 e nove rebotes, o ala-pivô Luís Gruber, com 14 pontos e cinco rebotes, e o armador Arthur Pecos, com nove pontos e oito rebotes. Pelo lado joseense, o pivô Douglas Nunes foi o destaque, com um duplo-duplo, com 14 pontos e 11 rebotes.

“A gente sabia que seria um jogo equilibrado. Terminou com quatro pontos de diferença, mas poderia ter terminado com 15 para a gente, como o São José também poderia ter ganho o jogo, caso acertasse os dois últimos ataques. O campeonato está equilibrado, principalmente neste início de temporada, que nem todo mundo está na melhor forma técnica e física. Foi um jogo truncado e eles jogando com um time experiente fizeram um bom jogo, nós também. Nós demos umas bobeirinhas em umas bolas de defesa e no ataque poderia ter sido melhor na bola de três, fizemos apenas 18 dos três e tivemos 40% de aproveitamento. No jogo contra o Corinthians tivemos 55% fora de casa. Se a gente tem um aproveitamento normal, que é acima de 50%, naturalmente teríamos uma vitória mais tranquila”, ressalta Guerrinha.

INGRESSOS

O Mogi das Cruzes/Helbor volta à quadra já neste sábado, 15, às 19 horas, contra o Basquete Osasco, também no Hugão.

Os ingressos para este jogo já estão à venda no quiosque do clube no Mogi Shopping e pelo site a R$ 10 para quem for com qualquer camisa do Mogi das Cruzes/Helbor, estudante, professor, idoso, deficiente e funcionários das empresas patrocinadoras e da prefeitura de Mogi das Cruzes. O valor normal do ingresso é R$ 20.