Mogi: Festival de Inverno Serra do Itapety 2018 tem início neste sábado
O concerto de abertura será comandado pela Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes e contará com as participações especiais/ Foto: Divulgação
Prefeitura de Mogi

Neste sábado, 30, a partir das 20 horas, será dado início a 10ª edição do Festival de Inverno Serra do Itapety. O concerto de abertura será comandado pela Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes e contará com as participações especiais do maestro regente convidado Marcos Martins Araújo e da pianista solista americana, Shelly Moorman-Stahlman. A apresentação acontecerá no auditório do Centro Municipal de Formação Pedagógica (Cemforpe).

No domingo, 1º, a programação do Festival continua, com o evento “Encontro de Gerações”, que será a partir das 19 horas, no Theatro Vasques. A proposta é promover uma reunião em palco entre os jovens coralistas do projeto Canarinhos do Itapety e os experientes membros do Coral 1º de Setembro. Aos interessados, basta comparecer na data, horário e local agendados. A entrada deste e de todos os outros eventos do Festival é gratuita.

Já na segunda-feira, 2, terá início um evento que vai se estender até o final do mês, sempre de segunda a sábado, das 9 às 18 horas, no Largo do Rosário. É a feira de livros da Companhia de Livros na Cidade, a qual já veio à Mogi das Cruzes em outras três ocasiões. A proposta é oferecer obras literárias a baixo custo, estimulando o hábito da leitura entre pessoas de todas as idades.

Na próxima terça-feira, 3, está na programação mais um encontro do projeto Terças Literárias, que é uma reunião de amantes da literatura, com estudos e espetáculos literários, palestras, saraus e lançamento de livros. Trata-se de um projeto fixo da agenda cultural do município, que ocorre todas as terças, a partir das 19 horas, no Casarão do Carmo.

Na quarta-feira, 4, a programação se amplia, com a promoção de cinco eventos em um só dia e as duas primeiras apresentações descentralizadas. A peça teatral “O Circo de Brinquedo do Palhaço Melancólico”, projeto este que foi viabilizado a partir de recursos do Programa Municipal de Arte e Cultura (PROFAC), será apresentada em duas sessões, sendo umas às 10 e outras às 16 horas, na Praça José Ferreira de Nóbrega, em Jundiapeba. Depois, na quinta-feira, 5, ela terá mais uma sessão, às 16 horas, também em Jundiapeba. No restante da programação do festival, ela circula por outros distritos da cidade.

O programa Quartas no Cinema também estreia no dia 4 de julho e se estende ao longo da programação do festival. São dois filmes em cartaz: “Minhocas”, que será sempre exibido às 15 horas e “O Filme da Minha Vida”, com sessão às 19 horas. A ação é uma realização do programa Pontos MIS, do Museu da Imagem e do Som e acontece no Centro Cultural de Mogi das Cruzes.

Na quinta-feira, 5, a agenda se volta para as artes plásticas, com a abertura da exposição “Repertório, Memória, Vivência…”, de Linda Fuga, no Centro Cultural. A mostra vai ocupar a galeria de artes Wanda Coelho Barbieri até o dia 27 de julho e pode ser visitada de segunda a sábado, das 8 às 18 horas.

A programação do Festival de Inverno se estende até o dia 29 de julho. Ao longo desses 30 dias de programação, o público mogiano poderá prestigiar gratuitamente mais de 35 atrações, dos segmentos de música, artes cênicas, literatura e contação de histórias, incluindo apresentações voltadas ao público infantil.

As atrações acontecerão em 10 palcos, sendo seis espaços culturais da área central e quatro descentralizados. Os palcos serão: Cemforpe, Theatro Vasques, Largo do Rosário, Centro Cultural, Casarão do Carmo, Estúdio Municipal de Áudio e Música (EMAM), Praça José Ferreira de Nóbrega (Jundiapeba), Praça Francisco Urbano (Braz Cubas), Praça Jesuíno Franco (Sabaúna) e Praça Cipriano Branco da Silva (Taiaçupeba).