Junji destina R$ 400 mil para a saúde de Arujá
A injeção financeira em benefício de Arujá será possível por meio de programas do Ministério da Saúde. Junji atendeu pedido de Camargo, em nome de lideranças arujaenses / Foto: Divulgação
Prefeitura de Mogi das Cruzes

O governo federal destinará R$ 400 mil para Arujá investir na rede municipal de saúde. A indicação dos recursos extraorçamentários, em prol do município, resulta do trabalho do deputado federal Junji Abe (MDB-SP). “Você, no Congresso Nacional, significa benefícios e atenção para o povo arujaense! Em três meses, tão pouco tempo de atuação, já conseguiu nos brindar com recursos fundamentais para a população que busca assistência em unidades básicas de saúde. Muito obrigado!”, declarou o advogado Luis Camargo. Ele fez um manifesto de gratidão ao parlamentar, que assumiu o segundo mandato na Câmara dos Deputados em 21 de fevereiro último.

A injeção financeira em benefício de Arujá será possível por meio de programas do Ministério da Saúde. Junji atendeu pedido de Camargo, em nome de lideranças arujaenses, levado pelo vice-prefeito de Mogi das Cruzes, Juliano Abe (MDB), filho do deputado que auxilia o pai na coordenação do MDB no Alto Tietê, Vale do Paraíba e Litoral Norte.

Caberá à prefeitura de Arujá definir de que forma os recursos serão investidos nas unidades de saúde, podendo garantir adequações ou aquisição de equipamentos. O Ministério da Saúde deverá liberar o dinheiro por meio de repasse efetuado diretamente do Fundo Nacional de Saúde ao Fundo Municipal de Saúde.

Com a assistência da equipe de Junji, Camargo e o filho Ewerton vêm atuando junto à administração municipal para orientar a adoção dos procedimentos administrativos necessários à formalização do convênio que possibilitará a aplicação da verba. “Ouvi o apelo do Luis Camargo, trazido pelo Juliano e, de imediato, nos desdobramos para tentar aliviar o sofrimento da população arujaense, acudindo o setor de saúde, que está muito deficitário”, contou o deputado.

Ao lado de Ewerton e de amigos, Luis Camargo recebeu o deputado em seu escritório, nesta segunda-feira, 4. “Além de ser uma grande liderança de Arujá, com trabalho reconhecido em prol da população, você é um amigo muito querido! É uma honra poder servir, recebendo acolhida do governo federal para contemplar a Cidade!”, afirmou Junji, ao rememorar a performance do advogado nas últimas eleições municipais, quando foi o segundo prefeiturável mais votado pelos arujaenses.

A crise financeira afeta todo o Brasil e as prefeituras de uma maneira voraz porque vêm para os municípios menos de 15% do bolo tributário angariado no Brasil, como observou Juliano. Todas as prefeituras amargam condições de fragilidade nos cofres públicos e, segundo Junji, enfrentam dificuldades até para manter serviços básicos à população.

Camargo elogiou a sensibilidade de Junji para a necessidade premente das prefeituras: “Você tem a experiência de haver comandado muito bem Mogi das Cruzes por oito anos seguidos. Com sua história de trabalho e de vida, tem predicados que tornam sua atuação parlamentar ainda mais eficiente e valiosa para o Alto Tietê”. Também participaram do encontro com o deputado Tatiane Santos, Natalie Muraca, Sarah Virissimo e Jessika Dyonisio.

Mobilização

Junji Abe esclareceu que vem trabalhado junto ao governo federal para obter mais recursos extraorçamentários em benefício das cidades de onde recebeu pedido de ajuda, vindo de lideranças políticas e comunitárias.

A movimentação em busca de repasses financeiros para as cidades visa evitar que tenham de esperar pela liberação das verbas a serem previstas, como emendas parlamentares, no OGU – Orçamento Geral da União de 2019.

Como deputado, Junji apresentará as propostas, no final do ano. No entanto, assinalou, “o problema é imediato e sério, exigindo esforços redobrados para garantir os repasses o mais breve possível”. O deputado assumiu o segundo mandato na Casa após o fechamento do Orçamento da União e não pôde inserir previsão de remessas orçamentárias para os municípios neste ano.