Fundo Social de Poá entrega cinco mil peças de roupas no 1º Bazar do Amor
Segundo a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Andressa Lopes, as roupas que foram colocadas para serem distribuídas foram arrecadadas durante a Campanha do Agasalho/Foto: Flávio Aquino/Departamento de Comunicação de Poá

O Fundo Social de Solidariedade de Poá, em parceria com o Grupo Esperança Criança “Mãos e Mente em Ação”, realizou na tarde dessa terça-feira, 26, o 1º Bazar do Amor. Com a ação  foram distribuídas cinco mil peças de roupas às famílias que são atendidas pela associação e que residem na Nova Poá e parte do Jardim São José.

As peças que foram distribuídas em araras ficaram à disposição da população que puderam levar as roupas que necessitavam sem uma quantidade definida para cada pessoa. Segundo a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Andressa Lopes, as roupas que foram colocadas para serem distribuídas foram arrecadadas durante a Campanha do Agasalho “Quanto Mais Gente, Mais Quente” que ainda está sendo realizada pela entidade.

“Este é o primeiro bazar de muitos que iremos fazer ainda ao longo do ano. É uma forma de estar em contato direto com a população e a satisfação de ver a alegria estampada no rosto de cada pessoa em escolher a sua própria roupa não tem preço”, destacou a primeira-dama Andressa Lopes.

O próximo Bazar do Amor está programado para acontecer no dia 4 de julho e irá beneficiar os moradores do Jardim Emília, Jardim Ivone, Madre Ângela e Jardim Débora.

Para a presidente do Grupo Esperança, Maria das Neves Nicolau da Silva (Dona Lina), é muito importante esta parceria com o Fundo Social de Solidariedade, pois a ação desenvolvida em conjunto abrange um número maior de pessoas. “Já realizamos outras ações em parceria com a Prefeitura e o Fundo Social de Solidariedade e espero que esta parceria continue ao longo da administração”.

Participou também da realização do 1º Bazar do Amor, o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Edevaldo Gonçalves.

Campanha do Agasalho

A Campanha do Agasalho “Quanto Mais Gente, Mais Quente”, continua sendo realizada pelo Fundo Social de Solidariedade e a previsão é que se encerre somente em agosto. Até o momento já foram arrecadadas cerca de 20 mil peças, porém, a expectativa é que este número ainda aumente.

As roupas arrecadadas já passaram pela triagem e estão sendo distribuídas na sede da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, no Albergue Municipal e em entidades beneficiadas pelos projetos sociais.