Vai Encarar ?

Os 52 grupos de rezadeiras e rezadores da Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes participam neste fim de semana do Retiro Espiritual e da Missa de Envio, dois momentos que simbolizam o começo da caminhada de fé dessas pessoas e seus auxiliares às residências dos devotos do Divino.

Conforme informações da assessoria de imprensa da organização da Festa do Divino, neste sábado, 27, o retiro ocorrerá na Associação Pró-Festa do Divino, das 7h30 às 17 horas. Já no domingo, dia 28, o bispo da Diocese de Mogi das Cruzes, dom Pedro Luiz Stringhini, celebra a missa, às 19h30, na Catedral de Santana. A Festa do Divino será realizada de 10 a 20 de maio, sob o tema “Divino Espírito Santo, iluminai a juventude e concedei-nos vossa paz”.

No sábado, após a recepção com um café da manhã, às 7h30, todos irão participar da Santa Missa, que será presidida pelo padre Diogo Shishito. Logo em seguida, serão realizadas várias palestras e momentos de reflexão, com a participação do padre Aleksandro Basseto Moreira. O evento conta, ainda, com a presença dos festeiros e capitães de mastro e demais membros da Pró-Divino.

A Santa Missa, no domingo, segundo o bispo diocesano, também tem o seu simbolismo. “As rezadeiras e rezadores serão enviados em oração, preparando a Festa do Divino. Porque o Divino vem a nós quando o invocamos, e as rezadeiras e rezadores nos ajudam a invocá-lo. São pessoas que precisam de saúde, todos nós precisamos; para quem precisa de paz, todos precisamos; rezando pelas famílias, pela igreja, pela Diocese, ou seja, pedir mesmo pelos dons do Espírito Santo. E a festa tem esse colorido de alegria e esperança, quando vemos a multidão reunida. É o tempo da fé e tanta gente que se veste na cor vermelha, que é o Espírito Santo, tudo leva a entender que, de fato, é a luz de Deus que brilha sobre nós”, ressalta dom Pedro.