Ferraz sem praça: ninguém sabe quando o Centro de Convenções será demolido 

0
51

Diante situação para lá de inusitada (a cidade de Ferraz encontra-se sem uma praça decente em seu centro comercial) a reportagem do Jornal Oi questionou o governo do prefeito Zé Biruta (PRB) sobre quando a praça dos Trabalhadores será liberada (mesmo que parcialmente) para a população. E perguntou também ao governo ferrazense sobre quando o prédio fantasma do Centro de Convenções deverá ser demolido ou será aberto aos moradores. A praça está totalmente interditada desde o início de 2018.

Eis as perguntas do Oi e os ‘esclarecimentos’ do governo ferrazense.

Jornal Oi – Por quanto tempo o entorno da praça dos Trabalhadores (centro de convenções) ficará interditado? Qual o motivo da interdição? Qual o prazo para que a obra seja demolida? O que ainda falta para isso acontecer?

Governo de Ferraz: A interdição ocorreu por conta de a estrutura estar comprometida, o que podia causar perigo aos ferrazenses que frequentavam o local. A prefeitura de Ferraz aguarda autorização judicial para demolir a obra, como é indicado pelos laudos já realizados no local.

Jornal Oi – Enquanto o local estiver interditado, qual é a sugestão da prefeitura às crianças e adultos que precisam de um espaço público na área central?

Governo de Ferraz: No período em que a Praça dos Trabalhadores estiver interditada, os moradores podem utilizar as quadras poliesportivas e praças públicas existentes na região central da cidade, além do Parque Municipal Nosso Recanto, no Jardim Pérola, no limite com o município de Poá, que fica aberto todos os dias da semana.

COMPARTILHAR