Ferraz promete revisar a taxa de Iluminação. Governo ‘errou para cima’ e cobrou três vezes mais caro
Por conta de uma nova lei aprovada na Câmara Municipal (que é comandada pelo vereador Flavio Batista, o Inha), os valores da CIP serão alterados / Foto: Divulgação

A Secretaria de Fazenda de Ferraz de Vasconcelos está solicitando aos ferrazenses que tiveram cobrada a Contribuição de Iluminação Pública (CIP) em seus carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) 2018, que compareçam até a prefeitura para que uma revisão da taxa seja realizada. De acordo com a pasta, o novo valor deverá ser três vezes menor, segundo informações da assessoria do prefeito Zé Biruta.

Por conta de uma nova lei aprovada na Câmara Municipal (que é comandada pelo vereador Flavio Batista, o Inha), os valores da CIP serão alterados. Apenas nos IPTU’s de imóveis não edificados (terrenos vazios) foram cobrados a contribuição. O Legislativo e o Executivo entraram em um consenso sobre a taxa depois da reivindicação de moradores.

Segundo a pasta, quem ainda não pagou a CIP terá seu carnê recolhido e emitido novamente, com outro lançamento da taxa. Para os contribuintes que já realizaram o pagamento, seja de forma integral ou parcelada, serão compensados com a diferença e adquirirão um novo carnê atualizado. A pasta ressalta que quanto antes o munícipe procurar a Prefeitura, mais rápido a situação será regularizada.

A titular da Fazenda municipal, Silvana Francinete da Silva, destaca que a primeira cobrança não estava errada, mas sim desatualizada. “A taxa tinha sido cobrada com base na legislação anterior. Agora, com a nova lei aprovada, este valor será atualizado, visando o benefício do munícipe. Não é a primeira vez que ajustamos valores que são cobrados da população, mas como o próprio prefeito Zé Biruta (José Carlos Fernandes Chacon) disse, quantas vezes for necessário chamarmos a população na Prefeitura para fazer o certo e mostrar transparência, nós chamaremos”, afirmou Silvana.

A prefeitura de Ferraz está localizada na rua Pedro Foschini, 200, na Vila Romanópolis, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.