CSI completa dois anos de auxílio na prevenção e combate e violência
Inaugurado no dia 24 de junho de 2016, o CSI tornou-se referência em segurança pública em todo o país e recebe diariamente visita de representantes de diversos municípios e membros das Polícias Militar e Civil/ Foto: Divulgação

O Centro de Segurança Integrada (CSI) chega ao segundo ano em operação como uma importante ferramenta tecnológica da Prefeitura de Guararema que auxilia o trabalho das polícias Civil e Militar no combate e prevenção da criminalidade e na investigação de crimes.

Inaugurado no dia 24 de junho de 2016, o CSI tornou-se referência em segurança pública em todo o país e recebe diariamente visita de representantes de diversos municípios e membros das Polícias Militar e Civil.

Nos últimos dois anos, Guararema registrou queda nos crimes de Furto e Roubo de objetos e de veículos em comparação com os dois anos antes da inauguração do CSI. No caso dos crimes de Roubo a queda chegou a 43,16%. O Furto de Veículos sofreu uma queda de 28,94%.

Atualmente, com os investimentos da prefeitura de Guararema, o sistema de monitoramento dispõe de mais de 100 câmeras espalhadas pela região central e principais entradas e saídas da cidade.

Com o trabalho e monitoramento diário em tempo real, 24 horas, de uma equipe formada por funcionários dos departamentos de Trânsito e Fiscalização da prefeitura e policiais militares, é possível flagrar e combater situações de furto, vandalismo, tráfico de entorpecentes, estelionato, desinteligência, roubo, comércio ambulante entre outros; além do auxílio à Polícia Civil na investigação, captura e identificação de foragidos da Justiça e de veículos envolvidos em crimes.

O caso mais recente em que o CSI atuou foi o de recuperação de uma bicicleta furtada no  dia 24 de junho. Com as informações da vítima, o monitoramento identificou o autor do furto e localizou a bicicleta, após isso foi acionada a PM até o local, que recuperou o objeto que foi devolvido à vítima na quinta-feira, 28.

Para ocorrências policiais a população deve ligar prontamente para a Polícia Militar no número 190.

Depoimentos 

André Hernandes – investigador Chefe da Delegacia de Polícia Civil de Guararema

“Para nós da Polícia Civil o CSI é fundamental para a investigação. Desde que foi inaugurado, nós conseguimos chegar a autoria de todos os crimes que ocorreram na região monitorada com o auxílio das imagens e instauramos inquérito para apuração. Este respaldo acontece não somente com as imagens, mas com todo o banco de dados que o CSI possui”.

Capitão PM Galvão – comandante da 3º CIA de Polícia Militar

“Assumi o comando há pouco tempo, mas tive a oportunidade de conhecer o CSI. É um equipamento de primeiro mundo e certamente vai auxilia muito o nosso trabalho. Esta parceria entre a Prefeitura e a Polícia Militar também é muito importante para cumprirmos nossa missão de trazer paz, bem-estar e segurança pública para a sociedade no seu sentido mais amplo”.

Edson Roberto Pinto de Moraes – secretário municipal de Segurança Pública

“O CSI vai além de ser um instrumento apenas voltado a prevenção e combate à criminalidade; atuamos sobretudo nos fatores que possam causar a desordem social. Qualquer ato desordeiro, por mais que pareça insignificante, deve ser reprimido. Do contrário, pode ser difusor de inúmeros outros crimes mais graves. É com esta premissa que no dia a dia o CSI tem atuado, priorizando sobretudo as eficazes parcerias da Prefeitura com as polícias Civil e Militar”.

NÚMEROS DO CSI

  • 74 CASOS DE FURTOS VISUALIZADOS PELAS CÂMERAS EM QUE OS OBJETOS FORAM RECUPERADOS
  • 22 ATOS DE VANDALISMO EM QUE OS AUTORES FORAM IDENTIFICADOS
  • 32 VENDEDORES AMBULANTES FLAGRADOS E ABORDADOS
  • 25 CASOS DE DESINTELIGÊNCIA
  • 17 CASOS DE ESTELIONATOS IDENTIFICADOS COM O APOIO DAS CÂMERAS
  • 13 CASOS DE ROUBO CUJOS AUTORES FORAM IDENTIFICADOS COM APOIO DAS CÂMERAS
  • 62 CASOS DE TRÁFICO DE ENTORPECENTES EM QUE OS AUTORES FORAM IDENTIFICADOS COM O APOIO DAS CÂMERAS