Salesópolis: definida a empresa que fará (mais uma) obra no Aterrado

0
60

O Diário Oficial do Estado desta quinta-feira, dia 25, publicou o nome da empresa que venceu a licitação para a recomposição do maciço no Aterrado de Salesópolis. A BMC Engenharia e Construção LTDA é quem fará os trabalhos.

O prazo para conclusão das obras é de quatro meses após a assinatura do contrato. O pedido por melhorias foi apresentado pelo deputado estadual André do Prado (PR) ao Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE).

Para o parlamentar, a melhoria é necessária porque a via é bastante utilizada por moradores e pessoas que visitam Salesópolis aos finais de semana e em períodos de férias.

Em reuniões com o superintendente do DAEE, Ricardo Borsari, o deputado André do Prado, acompanhado do prefeito Vanderlon Gomes (PR), destacou a urgência destas melhorias.

O Aterrado cruza a represa da Ponte Nova, que integra o Sistema Produtor do Alto Tietê (Spat), responsável por abastecer boa parte das casas da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) com água potável.

O custo estimado da obra é de R$ 882 mil, de acordo com publicação do DOE.

O prefeito de Salesópolis destacou o empenho do parlamentar para viabilizar a obra. “A intermediação do deputado André neste pedido foi essencial. Sem essa via, as pessoas vão precisar andar muitos e muitos quilômetros para ter acesso a serviços de saúde e transportes”, destacou.

Essa é a 2ª ou 3ª vez desde o início deste século que o governo do Estado e o DAEE liberam recursos para obras de recuperação do ​Aterrado em Salesópolis. Fica a expectativa de quando alguma liderança política irá cobrar o governo do Estado executará uma obra definitiva nesse acesso em Salesópolis.

 


CLIQUE AQUI PARA SEGUIR NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

VEJA MAIS INFORMAÇÕES SOBRE SALESÓPOLIS


 

COMPARTILHAR