Os alunos da Escola Municipal (E.M.) “Célia Pereira de Lima” (rua Rio Grande do Norte, 90 – Jardim Cacique) mobilizaram na manhã desta sexta-feira (22 de setembro)  uma “blitz educativa”, a fim de conscientizar motoristas e pedestres sobre os cuidados que devem ser adotados no trânsito. As intervenções, realizadas nas ruas Caboclo e Assembleia de Deus, entre os bairros Jardim Colorado e Vila Urupês, foram planejadas pela Prefeitura de Suzano-SP, por meio das Secretarias Municipais de Educação e de Transporte e Mobilidade Urbana.

Com início por volta das 10 horas, a ação organizada hoje faz parte da “Campanha de Segurança no Trânsito”, que vem sendo promovida por todas as unidades de ensino do município desde segunda-feira (25 de setembro). Na oportunidade, os estudantes da “Célia Pereira” receberam orientações por parte dos professores e, em conjunto, entregaram panfletos e puderam expor materiais informativos, como faixas e cartazes, sobre conduta segura ao dirigir ou trafegar a pé por ruas, avenidas, rodovias e estradas. Todos os trabalhos foram acompanhados por agentes de trânsito do governo do prefeito Rodrigo Ashiuchi.

As atividades desenvolvidas com os educandos também tiveram como bojo a campanha “Foca no Trânsito”. A iniciativa, que é colocada em prática pelo Poder Executivo suzanense em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) visa despertar os motoristas para a importância da atenção deles, bem como dos pedestres para os cuidados ao dirigir e ao atravessar as vias.

Segundo o titular da pasta municipal de Transporte e Mobilidade Urbana, José Alves Pinheiro Neto, um levantamento do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito aponta que 94% dos acidentes fatais registrados no Estado de São Paulo nos últimos anos são causados por falta de atenção do condutor ou do transeunte:

“Nesta semana, estamos fazendo uma abordagem com os motoristas, chamando a atenção sobre o uso do telefone celular ao volante, bem como vários outros cuidados a serem tomados. Para isso, a participação da comunidade escolar é fundamental. Atualmente, smartphones (celulares) fazem parte do dia-a-dia das pessoas, e em muitos momentos, inclusive nos críticos, demandam atenção, o que potencializa ainda mais a ocorrência de acidentes em ruas, avenidas, rodovias e estradas”, afirmou o gestor.

Em Suzano, só em 2017, foram registrados 26 casos fatais no trânsito, incluindo tanto o trecho urbano quanto as estradas estaduais que cortam a cidade. Até maio deste ano, foram registrados 11 óbitos decorrentes de acidentes de trânsito. A exemplo de outras intervenções realizadas em escolas municipais, na ação promovida nesta sexta-feira ainda foi usada uma foca inflável, em alusão ao verbo “focar”, que dá sentido à iniciativa “Foca no Trânsito”.